segunda-feira, setembro 17, 2012

MEU CORPO SEDENTO...


Meu corpo  sedento
Clama  pelo som dos teus gemidos   loucos,  insanos
invadindo meus sentidos.

Meu corpo sedento
Anseia   tua  voz murmurada, tuas palavras quentes
e tua boca  carente de mim.

Meu corpo  sedento 
Grita de saudade  do  calor do teu  corpo,
do toque das tuas mãos,  da tua boca
 passeando em minha pele.

Meu corpo sedento
Sonha com teus beijos loucos, aquecendo e desnudando
  meus mais íntimos segredos.

Meu corpo sedento
Ensaia loucuras e numa completa  agonia.
imagino num delirio  
 
teu falo molhado de paixão e  desejo.

Meu corpo sedento
É saudade...
Da tua pele  nua  roçando-me inteirinha.



Saudade...

Da tua lingua  macia invadindo a minha boca
Excitando meus desejos...



Numa doce e completa malícia
Partilhando gozo,  suor e saliva.


Socorro Carvalho
* Minha poesia é livre, meus versos não  têm compromisso... por isso eu grito., Quem não quiser ouvir que tape os ouvidos. Meus versos me libertam. E o amor que sinto me faz melhor. Por isso, esse amor bonito que nutri guardarei para sempre comigo, aqui no meu peito escondido,  dentro das minhas lembranças mais inesquecíveis.  Renunciar? Sim. Esquecer? Jamais. Enquanto isso,  a vida segue e em cada nova manhã uma nova inspiração certamente irá surgir, para que minha poesia jamais pereça....Até que um dia eu me acostume sem sua presença...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço sua visita, com breve retorno!! Seu comentário vem somar mais versos em minhas inspirações... grande abraço. Se quiser pode escrever diretamente para o meu email: socorrosantarem@gmail.com

Postagens em destaque

Chuva que rega saudade...

O dia amanheceu chovendo. Passou nublado. A tarde chegou com um tímido  sol .  Ao meu redor,  vejo rastros de saudade a penetrar me...