sexta-feira, agosto 31, 2007

SABOR DE PECADO


A tua pele nua tem gosto de mel
Num degustar ardente, doce...
A Língua acaricia.
Sem timidez
Invade serena todo teu corpo.
Descobre mistérios, segredos teus.

O roçar gostoso da minha pele na tua
Excita
Acende nossos corpos de paixão.
No suor do teu corpo excitado
Escorrego vadia em teu delírio.


A seiva bruta
Derrama-se em deleite
Desce quente...
A molhar conceitos
Num saciar louco de desejo
Exótico querer
Provocante
Sabor de pecado.


Socorro Carvalho


Postagens em destaque

Maria Maria

Maria, Da lua Herdastes brilho e serenidade. Do sol Juntastes calor e esperança. Doce Maria! De encanto, de amor. Suave como a b...