sábado, abril 22, 2017

AMOR DA VOVÓ...SAUDADES!!!




Hoje a saudade está imensa!!

No meu peito, grita sua ausência, vontade do seu abraço.

Vontade de lhe apertar em meu abraço e dizer que amo você. 

Saudade do seu jeito de menino, com  candura de anjo. 

Seu sorriso é música, que embala e enche de alegria os meus sonhos.

Meus pensamentos viajam, e na vontade de lhe ter no colo, ancoram na poesia da sua miragem. 

Minha imaginação navega nas lembranças, que se aguçam nessa distância e em cada instante, me perco na solidão dessa saudade. 

Rascunho um verso, escuto uma canção, tento me distrair, mas nada do que faço, acalma meu coração.

Ah, Pedrinho, amor da vovó, como sinto falta do seu riso , para alegrar meus dias. 

Sinto falta da leveza de sua singela gargalhada, a me encantar. 

Saudade daquele olhar bonito, que reluz o brilho mais lindo desses olhos cor de mel. 

Você é o azul do meu céu, a amplidão do meu universo. 



Você é minha metáfora real, vento leve que sopra em minhas doces manhãs...

Amo -te!! Amor da vovó... Saudades!!!


 Socorro Carvalho

terça-feira, abril 18, 2017

PRISCILA & RAPHAEL - O AMOR COM SUAS CANÇÕES E REPORTAGENS...


O amor é música que toca e acende o coração. Nele há segredos e enigmas, nas entrelinhas da emoção. Pode surgir de um simples olhar, ou de repente, de supetão, mas só se aprimora na razão, na condução dos passos, na dedicação, na entrega e renúncia de cada dia.

O amor, também, pode ser uma reportagem que,  vem como um furo,  enche os olhos e o coração de emoção. Nela está o poder da comunicação, condição essencial para edificar um diálogo para se cultivar a união.

Música e reportagem unidas, certamente, é ouvir o coração feito música num pulsar  que vai se reportar na grandeza e alegria de partilhar as cores e nuances da vida.

Priscila é música! Raphael reportagem! No tom da afinação ela canta e encanta, enquanto ele reporta com amor a sutileza da música, narrando em sussurros, sob as entrelinhas, ou quem sabe, nos offs da vida.

No dia 1º de abril, Raphael pediu a mão de Priscila em casamento, em pleno dia da mentira, mas todo esse amor é algo forte e verdadeiro. As alianças trocadas renovam a cumplicidade, o respeito, o amor e a felicidade.

Logo mais, sobre as bênçãos de Deus e o testemunho dos homens, eles dirão SIM, selando essa linda união por meio do casamento.

Com esse sentimento de contentamento, trago meu abraço de parabéns a Priscila, pelo aniversário, transcorrido ontem (17). No mesmo ensejo, deixo meus Parabéns a ela (novamente) e ao Raphael pelo noivado.

Deus derrame bênçãos de muita paz e amor sobre esse casal!! Que a música de Pri  seja sempre  paz aos ouvidos do Rapha. E a reportagem do Raphael seja sempre a maior verdade a pulsar no coração da Priscila. E que  música e reportagem tenham o AMOR como única temática, para assim, seguirem firmes nos passos da vida.

A partir do amor é que  surgirão as melhores notas, os melhores stand ups. O melhor som e maior panorâmica a cantar e noticiar essa história linda, que o destino uniu numa só: MÚSICA  & REPORTAGEM!!!! Ou quem sabe a narrativa do Último Romance...etc



 


 Um grande abraço da Socorro Carvalho

quinta-feira, abril 13, 2017

CIRCO MOCORONGO APRESENTA: PALHAÇO MAGNÓLIO EM SEU ETERNO ESPETÁCULO

Paulo Roberto Sposito de Oliveira, mais conhecido como palhaço Magnólio

Familiares, amigos e admiradores do artista, advogado e educador social Paulo Roberto Sposito de Oliveira, mais conhecido como palhaço Magnólio, que faleceu em dezembro de 2016, se reúnem neste sábado, dia 15/04 em Santarém para uma homenagem especial.

No encontro das águas dos rios em que ele sempre navegou, levando educação, saúde e alegria para as comunidades e movimentos sociais, serão jogadas parte de suas cinzas, num até logo que pessoas queridas preparam para o iluminado mestre da alegre que ele sempre foi. Veja abaixo a programação.

Paulo Roberto de Oliveira, nascido em São Paulo, se formou advogado, assistente social, professor de educação física e mestre em educação ambiental. Quando jovem, foi produtor musical no período efervescente do rock brasileiro, tendo apresentado shows de grupos como Os Mutantes e Novos Baianos.

Ao longo do tempo, com seu humor peculiar, foi se aproximando da arte circense. Foi ai que surgiu o Magnólio, seu personagem que além do nome, se tornou sua própria identidade.

Quis o destino que um belo dia lesse uma reportagem num jornal da capital paulistana, e se deparasse com um convite de uma ONG recém criada pelo médico Eugênio Scannavino e seu irmão Caetano Scannavino, contratando arte-educadores para atuar em comunidades da Amazônia. Era o palhaço encontrando suas novas trilhas de malabarismos da vida, desta vez em plena floresta Amazônica.


Consolidou sua parceria com o Projeto Saúde e Alegria, que atua desde 1987 em comunidades da Amazônia desenvolvendo programas integrados de saúde, educação, cultura, geração de renda, meio ambiente e direitos das crianças e adolescentes. E a parte que coube à Magnólio, foi ajudar a montar o Gran Circo Mocorongo, um circo mambembe para ajudar com que as mensagens educativas, os processos de mobilização social envolvessem as comunidades com doses de alegria. Desde então, Magnólio se tornou o palhaço mais conhecido da região de Santarém, especialmente nas comunidades ribeirinhas onde chegava de barco levando diversão, entretenimento e cidadania.

Como coordenador pedagógico da organização, conseguia como poucos inovar nas metodologias de trabalho. É dele a frase símbolo que diz: “saúde é a alegria do corpo. E a alegria é a saúde da alma”. Além da ludicidade, sempre procurava unir o conhecimento científico aos saberes populares. Com as parteiras tradicionais ajudou a criar uma associação, “Mãos que aparam vidas”. Com os jovens criou a “Teia Cabocla” para formação de novas lideranças. Com os professores da floresta criou a “educologia - a educação ambiental ativa”.

Além do Saúde e Alegria, Magnólio também atuou em outros projetos e ONGs da Amazônia, como o projeto Iara, no qual ajudou no fortalecimento dos movimentos de pescadores da região. Na década de 90, seu programa Na Hora da Piracaia, era um dos mais ouvidos na Rádio Rural de Santarém. Depois, no Programa da Rede Mocoronga de Comunicação Popular, fazia sucesso com o seu famoso “caça talentos comunitários”. Sua voz rouca inconfundível, era reconhecida rapidamente pelos pescadores à qualquer volta na beira do rio Tapajós.

Mas sua trajetória alcançou também o mundo, sendo convidado para grandes eventos, especialmente os ligados aos movimentos socioambientais, do qual participou ativamente como militante. Geralmente se apresentando como o Eco Clown Amazônico (o palhaço ecologista). Especialista em moderação de eventos, suas dinâmicas e performances foram vistas em Conferências da ONU em Nova York, como no Brasil na Eco 92 e Rio + 20, bem como em congressos ambientalistas na Europa. Como enredo de suas performances, estava sempre a defesa dos povos das florestas.

Através disso Magnólio também se tornou uma liderança política, embaixador das causas socioambientais. Ele conseguia abordar com alegria um tema complexo com ribeirinhos e extrativistas das beiras dos rios da Amazônia, assim como também com autoridades com quem fazia o sorriso e a alegria mediar conflitos e produzir transformações.


PROGRAMAÇÃO

SÁBADO, DIA 15/04/2017

1º Encontro: Dom Frederico, próximo ao Estaleiro Gamboa.
15h - Encontro dos Artistas Mocorongos na casa onde o Magnolio morava. Saída em cortejo, passando pela Mendonça Furtado, rua dos Artistas, Praça São Sebastião, Orla até o palco da praça Mascotinho, em frente à Casa da Memória do IHGTAP - Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, onde também morou.


2º Encontro: Casa da Memória e Palco da Praça do Mascotinho
17h - Saída dos B/Ms Gaia e Saúde e Alegria, com a família Oliveira e Oliveira e convidados para a cerimônia de entrega das cinzas no Encontro das Águas Amazonas/Tapajós.


18h - Gran Circo Magnético, no elevado em frente a Casa da Memória -"Linha Imaginária", com apresentações circenses e teatrais, exposições de fotografias e vídeos.

20h - Encerramento com Carimbó, Rock, Reggae e fala fraternas.

Como participar:

Todos estão convidados para os eventos na rua e praça (cortejo e o show de encerramento). Por limitação da lotação dos barcos, apenas os familiares e convidados poderão participar da ida até o encontro das águas. Os interessados devem entrar em contato com antecedência com a equipe do Projeto Saúde e Alegria, no número 30678000 ou por email: psa@saudeealegria.org.br para informações.

Texto: Fábio Pena
Projeto Saúde e Alegria 
Foto: Daniel Deák

Todos os créditos dessa postagem é do colega Fábio Pena ( Projeto Saúde Alegria)

segunda-feira, abril 10, 2017

PARABÉNS, PEDRO LUIZ FILHO!!



​​
Parece que foi ontem, e lá se vão 12 meses de sua chegada!! Como um lindo raio de sol, você chegou numa linda manhã. Trouxe com você o canto dos passarinhos, o murmúrio dos rios, a carícia do vento e a inspiração para minha mais linda e singular poesia. Trouxe o verso mais sublime e minha mais preciosa rima. Seu sorriso trouxe o néctar das flores e encheu de doçura meu coração. 

Você, presente de Deus, raio de sol dos meus dias. Felicidade que ilumina o meu coração!!

Hoje, o Universo está direcionado a você e, por isso, mais que todos os dias acordei agradecendo a Deus por sua vida. Pedindo do Universo todas as bênçãos para você e para nós, para que  possamos ter grandes momentos juntos,  com saúde e muitas alegrias.

Ah, meu neto!! Tantas coisas tenho a lhe dizer, mas prefiro guardar aqui no meu coração e falar em oração, para que assim, Deus possa ouvir os meus mais lindos votos que almejo para você.
Você é, ainda, muito pequeno para entender a complexidade da vida, mas grande o suficiente para entender todo o meu amor quando olho e converso com você e dos meus olhos deixo nascer o melhor de mim, só pra você, amor da vovó.

Celebrar a vida é graça de Deus! Então, dou graças a Deus por sua vinda e sua vida! Graça pelo encanto do seu sorriso, pela fragrância de  sua pele e por tudo de mágico que há em você.


Neste dia do seu aniversário, toda minha gratidão a Deus por sua vida, meu lindo bebê. Hoje, renovo meus votos e almejos de todos os dias, quando rezo por você, minha criança. Votos  de que Deus e Nossa Senhora da Conceição lhe proteja e lhe abençoe. Que Deus cuide de sua e de nossa família.. Enfim, que bênçãos e bênçãos de Deus se derramem sobre você, hoje e sempre, para que cresças lindo e feliz!!

Você é a minha   melhor rima...
Amo –te, infinitamente!! 
Neto lindo, amor da minha vida!!
Feliz Aniversário!!

01 ANINHO DE VIDA!!!

Com todo amor da vovó  

Socorro Carvalho















quarta-feira, abril 05, 2017

AULA E INSPIRAÇÃO: O FASCÍNIO DA LITERATURA


Ontem, (04), encerrou a disciplina de Literatura Brasileira III, ministrada pelo Prof. Mestre Rainério Lima, na turma de Letras/ Português 2013, da Universidade Federal do Oeste do Pará - UFOPA.


Durante um semestre, através dessa disciplina, descobrimos um universo de coisas boas, somas de aprendizado e entendimento, sobre contos, textos e contextos. Condição legal, para que essa passagem na Academia nos sirva de base teórica para aplicarmos na prática de nosso futuro profissional. A Literatura está inserida nessa relação histórica de entendimento do homem frente a esse universo de fusões sociais que forma a conjuntura do mundo. Enfim, através dos literatos viajamos em contrastes, jamais antes imaginados.



Com a Literatura Brasileira III fizemos uma deliciosa viagem. Com Professor Rainério, na condução, com sua velocidade de raciocínio, fomos longe. Viajamos nas entrelinhas dos contos e romances. Do lendário e mitológico   Macunaíma de Mário de Andrade passando pela   ironia sarcástica de  o  Cobrador de Rubem Fonseca e a introspecção e solidão de Clarice Lispector. Louca viagem, porém, sensata no aprendizado fantástico que nos foi repassado.



Diante de tantas boas e instigantes provocações, ontem, não poderia encerrar sem uma revolução, não é mesmo? Então, com chave de ouro, finalizamos a disciplina com um baita documentário sobre o movimento Tropicália de 1967/ 1968. Éguaaa, muito show!! Golpe de mestre, hein Professor Rainério!! Um chamado, um alerta para cada um e cada uma ou quem sabe um convite, feito a nós, para um olhar mais apurado sobre toda esse conjunto de “sacanagem” que se instalou no Brasil. Sutilmente, convidando-nos a uma releitura mais aprofundada sobre os objetivos do tropicalismo e quem sabe assim, nos tirando do “bucolismo” de acomodação em que vivemos e  acordando para  uma nova postura, um novo olhar. Quem sabe?!(os bons entenderão) rsrs


Ufaaa! O que dizer? Só agradecer a dedicação, compromisso e respeito de Professor Rainério Lima, para conosco. Por ter, sempre,  a humildade de perceber que por detrás de cada estudante, tem um ser humano, com suas singularidades e problemas. Agradecer por ele se dispor a ir até a sala de aula com vontade de ensinar, orientar e partilhar conhecimentos sem enrolação ou coisa parecida. Foram aulas fascinantes! Tantas informações que o quadro branco se tornava  pequeno para tantas questões. E haja atenção e atenção, para acompanhar o pique acelerado do professor. Que sempre ao final, tem o hábito de nos olhar e dizer: “ Tudio bem turma”? E segue novamente...



Valeu, professor! Deus lhe conceda saúde e inspiração, para para continuar a trabalhar com tamanha fascinação. Obrigada, mesmo!! Aos colegas da 2013, meu muito obrigada!! Confesso, que não foi fácil fazer a disciplina na turma, mesmo assim, com as pessoas que pude falar e contar, com certeza  os  serei sempre grata. Um sorriso, um cumprimento faz parte da acolhida dentro de uma sociedade. Sem esquecermos, que a construção de amizade, também, faz parte do aprendizado que nos ensina a ser um ser sociável. Agora encerrando a conversa... 

Obrigada!!

                                                                    Socorro Carvalho

Momentos da aula e exibição do documentário do Movimento Tropicália...

























segunda-feira, abril 03, 2017

PARA, ELA



De um jeito diferente,
Ela parece rebelde.
Mas tem na essência 
Carisma, sabedoria.
O sorriso guarda segredos,
Ela é corajosa, sem medos.
Tem um jeito só dela,
Enxerga tudo com sutileza.
Nos lábios, tem poesia,
Rima na alegria.
Curte Caetano e rock on,
Com a leveza de uma deusa
A suavidade de uma flor.
As vezes é louca, insana,
Mas no fundo, suave, carinhosa.
Ela tem brilho de sol,
Reflexo de estrela,
Ela é magia, natureza.
Mulher, guerreira!

Socorro Carvalho





domingo, abril 02, 2017

PARA, MEU NETO, PEDRINHO: AROMA DE SAUDADE...


Pedrinho...

Hoje, acordei com o seu cheirinho no ar. O vento me trouxe poesia, com aroma de lavanda. O cheiro singular do seu perfume. O ar estava cheio de você, assim como está cheio de saudades o meu coração. Saudade do seu sorriso, da sua pele macia. Saudades de suas conversas só entendidas entre eu e você. Então, na lembrança, viajei no seu sorriso. Senti saudade do seu riso. Sua risada linda. Era minha tristeza, com saudade da sua alegria. 


Engraçado!! Você chegou um dia desses, faz tão pouco tempo. Porém, o tempo suficiente para me apaixonar e me encantar com o encanto do seu jeito especial de ser. Seu sorriso lindo, reluziu felicidade em meu coração, justo no meu coração já tão desacreditado da bondade humana. Mas o legal,  é que em você encontrei a certeza de que apesar de tudo, ainda, vale ter esperança em um  mundo melhor. 


Mesmo sem nada dizer, sua presença encheu de vida minha vida. Com a música da sua alegria deu sentido e coreografia em minha dança.  Seu riso deu sincronia em meu ritmo e me trouxe a mais doce esperança. Esperança preciosa e inspiradora em  cada manhã. 


Sua presença instigou minha luta, se tornou grande motivo da minha busca. Na distância, você é minha mais linda lembrança, saudade que nubla meu olhar a cada instante em que percebo que você não está aqui, junto de mim. Porém, a saudade é tanta que lhe transporta para dentro do meu coração.  Presença que enche de rima, a minha mais singela poesia. 


É Pedrinho, como pedra rígida e polida, você se fez alicerce na construção da minha vida. Enfim, você é minha mais linda e gostosa poesia. Longe de você, tudo é tão triste, vazio. Apenas a certeza de um breve reencontro, inspira meus dias, me faz seguir na vida. 

Oh, neto querido! Você é o sabor  doce da minha vida, rima sublime do meu poema, delícia do meu verso. Sem você, fico triste. Porém, minha lida não é em vão e um dia sua compreensão vai me agradecer. E eu espero muito  poder lhe contar um pouco da minha vida, minha história. E sei que você vai compreender, que  toda minha ausência , hoje,  foi só para mais tarde  ficar mais perto de você. 

Sei que ainda é muito pequeno para entender. Mas minha certeza e fé em Deus é que você , logo, vai crescer. Enquanto isso, mesmo na saudade, você será sempre a linda razão do meu viver. 

Não importa a distância geográfica, pois estamos e estaremos eternamente juntos, no sangue que nos une e me permite estar sempre junto de você.  Todos os dias,  sempre, estamos juntos na oração de cada noite e em cada nova manhã,  quando peço para Deus cuidar e proteger você, esteja onde estiver. 

Ah, Pedrinho! Preciso parar de escrever, pois a saudade já começa a  transbordar de meus olhos, neste momento.  Sabe, filho! O coração da vovó está imergido numa imensa saudade. Uma saudade  tão grande nem sei mais  o que fazer, além de sonhar com você juntinho de mim. 


Que a poesia da vida sempre me traga inspiração,  para escrever   e registrar todo o amor que sinto por você.


Seu perfume continua a perfumar meus sentidos enquanto sigo a pensar em você, meu amor. Em meu respirar, aroma de saudade... SAUDADE de  você, Amor da vovó!



TE AMO, PEDRINHO!!


Com saudade


Sua vovó  - Socorro Carvalho

sexta-feira, março 31, 2017

TV PONTA NEGRA – ROTA 05 : SENSAÇÕES...


No início da semana, Antônio Jr esteve lá em casa para me convidar a ir participar do quadro: “PASSEI POR AQUI...”, na Tv Ponta Negra, programa Rota 05. Ele foi lá e eu, como sempre, não estava. Ai ele aproveitou e se acampou. Teve todo tempo do mundo para selecionar, com a conivência, de mais gente lá de casa ( ainda não sei de quem, mas vou descobrir) pegou minhas fotos bizarras, de um tempo distante..kkkkk  Ainda bem que o tempo passa e eu, claro, continuo muito bem e vou seguindo,   igual vinho....rsrs Mais velha e mais gostosa!!! Kkkkk Pelo menos, eu me acho. Se não achas. Azar o teu. Sou mais eu.

Enfim, só sei que Antônio Jr.  junto com Everaldo Pereira (patrimônios da Ponta Negra) me aprontaram uma linda surpresa, dentro do quadro. Com destaque à dança, que nem lembro mais de onde tiraram tais imagens. Mas era eu e isso basta. rsrs ( vamos pular essa parte)rsrs

Foi ótimo,  voltar naquele lugar  onde pude iniciar minha vida profissional e me apaixonar por Comunicação. Os momentos de lembranças foram bons, mas não melhores que encontrar os colegas, o  ex patrão e ser muito bem acolhida por essa turma. Por lá, está tudo diferente!! Até mais bonito!! Porém, o meu sentimento de gratidão e paixão, por aquela emissora,  permanece o mesmo.

Engraçado! Trabalhamos anos e anos, por detrás dos bastidores para que o colega de frente, da tela, do microfone,  faça bonito e seja sucesso. Assim ocorrem as coisas nesse universo televiso, radiofônico,  ou seja, da comunicação. Foi assim, por detrás das câmeras que vivi grandes momentos e lindas sensações de alegria, felicidade etc.

Na hora do quadro, Antônio Jr.  pediu que eu citasse um momento marcante, foi difícil. Porque, naquela emissora vivi grandes e inesquecíveis momentos. Era feliz, dentro do meu tempo. E eu citei,  que um dos momentos mais lindos foi quando o programa solicitou ajuda a uma família, que teve a casa totalmente queimada num incêndio. Enquanto a matéria ainda estava  rodando, no ar,  já chovia  um monte de ligações com muitas coações. E foi telha, madeira, cama, fogão, geladeira, colchões, roupas, calçados, cestas básicas etc. Foi emocionante! Choramos juntos, de emoção! De felicidade, em saber que aquela família ia poder novamente construir sua casa e abrigar suas crianças. Marcou muito!! Já, o  momento mais triste que vivi por lá, foi ver um senhor que morreu num acidente de ônibus e teve um pau atravessando seu peito. Foi terrível!! Chorei horrores. Quem me conhece sabe que sou muito chata, mas tenho um coração de lágrimas, bobo, sentimental. Foi impossível conter a tristeza. Nossa!!

Além, das histórias felizes tiveram as situações  engraçadas e as famosas e inesquecíveis confraternizações e festas de aniversários, na casa de  seu Travassos ( contador da empresa), casa da Dira (repórter da tv), festa na casa de D. Raimunda Cordeiro (mãe da Dira) ao som de Beto Barbosa etc. Conforme dizia Nivaldo Pereira _ “ Vocês quebram a vidraça  da janela só pra depois comprarem o vidro e festejar o conserto da vidraça”. Era mesmo, tudo era motivo de festa para nós. Isso com a parceria de todos os gerentes que por passaram por lá. Como eram os chefes, sempre sobrava, pra eles, a doação de cervejas que era mais cara e o legal é que eles davam a cerveja e participam, Inácio, Mota, Brelaz. Isso, sem falar das noitadas no bar do seu Chico, point de todo final de mês quando saia o salário!! Por lá, ia cada figura e eram muitas as histórias.

Voltando ao programa Rota 05, realmente,  eu estava muito emocionada!! Porém, quando apareceram as fotos do Paulo Araújo, foi foda. Senti um negócio estranho, éguaaaa!! Num é que o fdp estava lá nos olhando ( os bons entenderão). Ele era chato pra caralho, mas  era só capa. Na essência, era um grande companheiro de todas as horas e para todas as horas, bastava o colega cair na graça dele. Porém,  se fosse ao contrário? Humm! Sem comentários!! Já não estava mais na Ponta Negra, mas foi muito chato, quando soube da sua morte. Mas hoje ele estava lá, acompanhando. Ainda bem que só olhando e não inventou de me chamar de “Carvalhos”, “Helps”, conforme me chamava. Kkkkkkk  O Paulo era o cara, mais pauleira que já conheci,  gostava mesmo era de som alto, barulho mesmo. Era ele que fazia limão com conhaque, pimenta do reino pra curar minha gripe, garganta. E era sempre uma ótima companhia para tomar uma estupidamente gelada. Apesar de gostar  mesmo  de uma boa cachaça.

Ah, Ponta Negra! Tantas histórias para contar e outras que devem permanecer no silêncio, eternizadas.  

Ao Nivaldo Pereira, toda gratidão!! Continua lá, graças a Deus, curtindo seu brinquedo preferido a rádio e  a tv !! Continua com seu cabelo eriçado e com seu olhar por debaixo dos óculos, kkkkkk, muito massa!!

Ao Antônio Jr e sua equipe, meu muito obrigado pela acolhida e inúmeras boas sensações que me causaram.

13 anos depois, retorno à inesquecível Ponta Negra, para relembrar e foi muito legal!!! Melhor, ainda, foi encontrar  uma de minhas sementes Marinalva – operadora de máster, estagiou comigo, foi admitida e continua por lá, até hoje. Que bacana!!


Só me resta agradecer a Deus, por esse momento de carinho e lembrança.
Deus abençoe a todos nós e que livre de toda maldade Nivaldo Pereira e sua turma!!,
Ele foi um grande patrão e com ele aprendi muito, podes crer.
Sensações...Até de outras vidas...Mas valeu, muito!!

Obrigada pelo convite e um grande abraço, Antônio Jr, Nivaldo, Everaldo e demais colegas!!!


Socorro Carvalho


Momentos nos bastidores da Tv Ponta Negra...