sexta-feira, setembro 21, 2007

SAUDADE BANDIDA



Hoje o sol do alvorecer
veio me falar de você.
Em minha saudade
trouxe com ele a magia do seu olhar.
Viajei nos pensamentos
e encontrei seu riso tão belo a me alegrar.
Fechei os olhos
e na imaginação naveguei em seu beijo ardente.
Era o expirar do seu hálito
a enlouquecer meus desejos.
Eu a sonhar acordada com você.
Perdida no encanto da saudade...
O tom da sua voz.
Em sussurros, nítido em meus ouvidos
a dizer palavras insanas.
Provocante desejo a desvairar-se em mim.
Seu jeito moleque, travesso.
Sua presença marcante
a passar lentamente dentro da minha ilusão.
O desejo queimava meus poros.
Sentia-me extrapolar excitação.
O calor da sua boca.
O gemido louco, desinibido
fazia-me arrepiar a pele.
Arrancar gritos e suspiros.
Delírio lascivo.
Pensamentos bandidos a suprimir pudores.
Na lembrança da entrega gostosa de nós dois.
O tempo passa, abro os olhos e sinto em mim.
A umidade sem vergonha do querer.
Saudade arteira,
Paixão bandoleira a me trazer você.
Ah, saudade bandida...




Socorro Carvalho



*Foto: Simone Gonçalves

Postagens em destaque

DANIELLE LIMA!! PARA VOCÊ, UMA CARTA DO MEU CORAÇÃO... FELIZ ANIVERSÁRIO!!!

Querida filha, Danielle Katrine Hoje, pensei em te fazer um poema!! Rimar versos para te falar do meu amor... Mas como poetizar,...