terça-feira, abril 08, 2008

UMA HOMENAGEM À J.A. AQUINO



Há dias em que se morre.......
Um beijo úmido sob o sereno da madrugada fria
Um bom dia sem graça, simplesmente fático.
Abutres circundam cifrões
Enquanto lágrimas chuviscam das janelas
Uma notícia corre,
Nesses instantes que se eternizam
E mil verdades valsam ao som da marcha fúnebre que toca
Em versões distintas
À medida que a verdade suspira
Aliviada e sem remorsos
Enquanto passeia em seus dragões de metal.
Um disparo certeiro assinou a razão
E a própria razão da razão...
Um milhão de por quês? são vendidos nas ruas
Todos testemunhas
De sua própria ignorância
Da ignorância dos fatos,
ignorância dos homens,
ignorância dos dias,
Principalmente desses
Comuns pra se morrer
Comuns de mais
Como a história que reivindica pra si própria
O nome dos que morrem nesse dias
E os dias que nascem com esses nomes....


Autoria: Vinícius Picanço Lopes (06 / 04 / 2008)
(Poeta da cidade de Óbidos)

Por Vinícius Picanço Lopes Companheiros do portal, gostaria de dividir com os demais, que assim o sintam, a dor de perder um grande amigo. Poucos puderam conhecer o homem por trás do nome J.A. de Aquino, agora que seu corpo foi assassinado, nós, amigos, não podemos permitir que façam o mesmo com a imagem deste grande homem que viveu e morreu por um amor, chamado Gracinei Barros de Aquino.
Fonte: Site Portal de Óbidos
*************************************************************************************
*Lindo poema! Linda homenagem!!!
Parabéns ao poeta, pela sintonia das palavras...
Este poema, é uma homenagem feita com muito carinho,
por um amigo para um outro amigo que se foi... (pereceu).
Não conheci, nem conheço nenhum dos dois,
mas a essência da poesia me fez trazer, até aqui para o deleite de vocês, também.
Infelismente, a vida é assim.
A felicidade que expressamos, quando estamos vivendo um grande amor,
incomoda muito.
E as pessoas, infelizes, não se conformam.
E por vezes, vão ao extremo...
E chegam ao ponto de destruírem tudo com um ato assim, tão brutal.
Sem dúvidas, que se J.A. Aquino morreu com o coração cheio de amor,
Deus já lhe ofertou, no céu, um lugar para ele repousar em paz.
Já aquele ou aquela, que foi responsável por esse ato tão cruel,
nem sei se está conseguindo dormir em Paz.
Por um grande Amor, vale tudo, até mesmo morrer, se preciso for...
Eu penso assim...
O que você pensa, pouco me IMPORTA!;
Sou feliz...muito feliz,
com o amor PURO que sinto, dentro do meu coração!
É ele que me deixa com os olhos mais radiantes... de Felicidade!!!
A felicidade é assim...
Quando menos se espera, ela aparece com tudo...
DE SURPRESA!!
E nos deixa em Êxtase Absoluto...
Huuummm!!!
Socorro Carvalho

Postagens em destaque

Em entrevista, o Poeta e Compositor santareno Renisson Luis Vasconcelos fala de sua arte e do amor que tem por Nossa Senhora da Conceição

Estamos na semana que antecede o Círio 2017 de Nossa Senhora da Conceição, Padroeira de Santarém.  Uma semana intensa de preparativos ...