quinta-feira, abril 02, 2009

A ARTE DE CALAR

Calar sobre sua própria pessoa,
é humildade.
Calar sobre os defeitos dos outros,
é caridade.
Calar, quando a gente está sofrendo,
é heroísmo.
Calar diante do sofrimento alheio,
é covardia.
Calar diante da injustiça,
é fraqueza.
Calar, quando o outro está falando,
é delicadeza.
Calar, quando o outro espera uma palavra,
é omissão.
Calar, e não falar palavras inúteis,
é penitência.
Calar, quando não há necessidade de falar,
é prudência.
Calar, quando Deus nos fala no coração,
é silêncio.
Calar diante do mistério que não entendemos,
é sabedoria.

Desconheço a Autoria

Postagens em destaque

DANIELLE LIMA!! PARA VOCÊ, UMA CARTA DO MEU CORAÇÃO... FELIZ ANIVERSÁRIO!!!

Querida filha, Danielle Katrine Hoje, pensei em te fazer um poema!! Rimar versos para te falar do meu amor... Mas como poetizar,...