segunda-feira, abril 06, 2009

ENIGMA


Às vezes o silencio
Traz ecos de solidão...
Vestígios de saudade
Reflexos da tua imagem
A invadir minha ilusão.


Socorro Carvalho


Foto: Roubada do blog do Eduardo Dourado

Postagens em destaque

POEMA CABOCLO

Meu amor... Tem cor de alvorecer. Carícia de brisa das manhãs. Cor de pôr do sol. Aroma de cupuaçu... Sabor do bombom de muruc...