quarta-feira, setembro 05, 2012

DESTEMIDO, CHICÃO RACHOU O PSB E GARANTE QUE VON É UMA AMEAÇA AO MAIOR SONHO DOS SANTARENOS



CHICÃO: “PSDB É O PRINCIPAL INIMIGO DO ESTADO DO TAPAJÓS”

Por Marcus Vinícius - Jornal Cidade

A menos de quarenta e cinco dias para as eleições municipais deste ano, que acontece no dia 07 de outubro próximo, o advogado Francisco Lopes, o “Chicão” declara que o Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB), liderado em Santarém pelo deputado estadual Alexandre Von, se consolida como uma ameaça a criação do Estado do Tapajós.

Mesmo filiado ao PSB, o qual pertence a coligação de Von, o advogado e militante a favor do Estado do Tapajós, Francisco Lopes disse que aderiu a campanha da professora Lucineide Pinheiro (PT) e não ao grupo do PSDB, por acreditar na vitória e na continuação da luta pela criação da nova unidade administrativa.

“Vou apenas esperar passar as eleições para eu sair do PSB e me filiar em outro partido que não faça oposição ao Estado do Tapajós”, afirma Chicão.

Para Francisco Lopes, a luta pela criação do Estado do Tapajós, consolidada com a realização do plebiscito de 11 de dezembro de 2011, mexeu com os inegociáveis, formado pelo governador Simão Jatene e sua turma do PSDB, entre eles, o deputado federal Zenaldo Coutinho e o candidato a prefeitura de Santarém, Alexandre Von.

“Estávamos lutando em torno do Tapajós de uma forma respeitosa com a população santarena, porque a luta pelo novo estado é o capital popular. Isso deve ter mexido com os inegociáveis. Sabemos que existem outros interesses políticos e que infelizmente as pessoas que defendem o mesmo projeto do governador Simão Jatene tem se colocado na contramão”, declara Chicão, reafirmando que o governador Simão Jatene é o maior opositor do projeto de criação do Estado do Tapajós, juntamente com todos que compartilham do seu governo. Continue lendo...

AVALIAÇÃO – Francisco Lopes acredita que nestas eleições os santarenos, os quais vivem numa cidade universitária, vão saber avaliar e diferenciar os candidatos que são a favor e contra o Estado do Tapajós. “Se nós passarmos pela amarga experiência de colocar o PSDB na Prefeitura de Santarém, vamos ter a comprovação de que o Estado do Tapajós vai continuar enterrado pelos aliados de Simão Jatene”, avisa.
Segundo ele, o PSDB do Estado, liderados pelo deputado federal Zenaldo Coutinho, atual candidato a prefeitura de Belém e o governador Simão Jatene, foi o principal causador de revolta e indignação da população do Oeste do Pará. “Eles são os maiores inimigos da nossa luta. Eles sempre buscaram travar a luta usando a própria máquina pública do Pará, que é movida pelos impostos que a população paga”, observa.

AMEAÇA - Toda e qualquer aliança com o governador Simão Jatene, segundo Francisco Lopes, se consolida como uma grande ameaça ao Estado do Tapajós. Para ele, a ideia de que o PSDB possa vencer as eleições em outubro em Santarém, lhe causa temor. “Isso me causa um temor sobre uma possível depressão que Santarém venha a viver, caso o PSDB ganhe as eleições no Município”, alerta.

Chicão avisa ainda que as forças de luta pela criação do Estado do Tapajós podem ser minimizadas, caso o governador Simão Jatene consiga colocar pessoas de sua confiança nas cidades estratégicas, como Santarém, por meio do deputado estadual Alexandre Von, ambos do PSDB. (Jornal Cidade)

Postagens em destaque

A VIDA E SUA ESSÊNCIA...

                Presente é uma forma de carinho que se dá a quem gostamos. Porém, em cada novo dia recebemos de Deus o HOJE, presente...