sexta-feira, dezembro 27, 2013

AS HORAS PASSAM...

 As horas passam, ainda assim, o tempo permanece estagnado...
A noite fria, já  não me  inspira versos...
Aos poucos a  leitura necessária  vai sendo  vencida pelo sono insistente.
O corpo cansado pede da mente  um descanso...
O sono vem  e me toma nos braços.
As horas passam...
Cá dentro, o tempo continua inerte.
De repente, o sono  agasalha  pensamentos e  cansaço .
Na espera de um sonho bom...
Agarro-me com o sono e...
Adormeço.



Socorro Carvalho

PARADA CARDÍACA


 Essa minha secura
essa falta de sentimento
não tem ninguém que segure,
vem de dentro.
Vem da zona escura
donde vem o que sinto.
Sinto muito,
sentir é muito lento.


Paulo Leminsk

Postagens em destaque

DANIELLE LIMA!! PARA VOCÊ, UMA CARTA DO MEU CORAÇÃO... FELIZ ANIVERSÁRIO!!!

Querida filha, Danielle Katrine Hoje, pensei em te fazer um poema!! Rimar versos para te falar do meu amor... Mas como poetizar,...