Postagens

Mostrando postagens de Abril 12, 2014

PEDRO TE AMO, FILHO LINDO...PARABÉNS!!

Imagem
Pedro!! Filho Querido!!

Hoje é mais um dia de festa em meu coração!! O motivo? É seu aniversário. 20 anos!! Nossa! Como o tempo passa rápido e de repente,  lá se vão duas décadas, vinte anos de vida. Lembro como se fosse hoje a sua chegada, naquela linda manhã de terça feira! E lembro muito mais, lembro de cada segundo vivido e cada emoção ao sentir seus movimentos dentro de meu ventre trazendo-me a certeza de vida, de amor, de maternidade. Eram os primeiros sinais de uma linda História de amor, era meu filho, o meu mais sublime e inesquecível amor. O sentimento mais puro, a sensação mais deliciosa e o maior significado da minha vida. E com você trouxe o sentido da minha poesia, meu poema mais bonito e a rima preferida  para harmonizar minha canção. Chegou trazendo toda inspiração para os meus dias e o sorriso mais lindo para se somar a minha vida. Era você, um ser tão pequeno, porém tão grande e exuberante aos olhos do meu coração. E quando vi você pela primeira vez, foi linda a sen…

PARA SUA REFLEXÃO, FILHO: OS SONS DA FLORESTA

Imagem
No século III d.C., um rei mandou seu filho, o príncipe T'ai, ir estudar no templo com o grande mestre Pan Ku. O objetivo era preparar o Príncipe, que iria suceder ao pai no trono, para ser um grande Administrador.
Quando o Príncipe chegou ao templo, o Mestre logo o mandou, sozinho, à floresta. Ele deveria voltar um ano depois, com a tarefa de descrever os sons da floresta.
Passando o prazo, o Príncipe retornou e o Mestre lhe pediu para descrever os sons de tudo aquilo que tinha conseguido ouvir.
"Mestre", disse o Príncipe, "pude ouvir o canto dos pássaros, o roçar das folhas, o alvoroço dos beija-flores, a brisa batendo suavemente na grama, o zumbido das abelhas e o barulho do vento cortando os céus".
Quando o príncipe terminou, o Mestre mandou-o de volta à floresta para ouvir tudo o mais que fosse possível. O Príncipe ficou intrigado com a ordem do Mestre. Ele já não tinha distinguido cada som da floresta ?
Por longos dias e noites o Príncipe se sentou sozin…