segunda-feira, novembro 03, 2014

PALADAR DE DESEJO



Na pele quente
Poros que se dilatam em erupção...
Pensamentos vadios, se misturam.
Numa plena  “sacanagem”.
Como dança selvagem
A inebriar- nos de fantasia, sedução.
Seu corpo se encaixando  no meu.
“Euforia”  perfeita dos nossos  desejos.
Há fúria  em nosso  querer.
Há ânsia  na carícia de nossas mãos.
Na saudade nos perdemos...
Num  paginar de metáforas do meu verso.
Penso em você.
E minha pele arrepia...
Num frenesi bandido.
Seu cheiro vem em sigilo...
Invade minhas narinas
Na mais completa magia.
Nessa vontade louca de degustar
O exótico sabor
Paladar de desejo...
Louco vontade de amar. (você)


Socorro Carvalho

Postagens em destaque

Em entrevista, o Poeta e Compositor santareno Renisson Luis Vasconcelos fala de sua arte e do amor que tem por Nossa Senhora da Conceição

Estamos na semana que antecede o Círio 2017 de Nossa Senhora da Conceição, Padroeira de Santarém.  Uma semana intensa de preparativos ...