segunda-feira, maio 19, 2008

EU E A SAUDADE...


Hoje a saudade veio me falar de ti...
E sem perceber, lágrimas molharam meu rosto,
E no meu canto, chorei por ti.
No peito, as marcas desse amor
É como uma ferida, arde, dói, me consome...
A saudade presente se faz dona de mim.

As lembranças navegam em meus pensamentos,
Acomodam-se em meu coração,
Tudo ao meu redor, me fala de ti...
Mesmo que eu tente fugir
É teu cheiro que encontro em cada esquina,
A me perseguir, confundir meus sentidos...

A música que toca, lá distante,
Traz você presente, aqui dentro de mim...
Já não consigo fugir das algemas desse amor,
Ainda, estou presa à ilusão de que nada acabou.


Hoje, o verso triste já não fala de encanto,
Resume-se ao pranto que tua ausência me deixou...
E agora, nada consola essa dor,
Que toma conta do meu peito.

Apesar da tua ida sem despedida...
Preciso seguir minha vida...
E, em algum lugar, tentar reconstruir meus sonhos.
Preciso enxugar as lágrimas, da solidão, para não tropeçar,
Preciso ter os olhos reluzentes
Para olhar firme e não me atrapalhar.


Mas a saudade é malvada, arteira, maliciosa.
Em silêncio vem me condenar...
Tento recuar, me esconder...
Mas por detrás de cada esconderijo,
Sempre te encontro...
Por isso, já, nem sei o que fazer...
Oh, amor! Por favor me diga!
Como faço pra te esquecer?


Socorro Carvalho

AH! SE EU PUDESSE

Ah! Se eu pudesse...
me transformaria,
Numa suave brisa matinal,
Para acariciar delicadamente teu rosto.

Quem sabe...
Num forte vento,
Para brincar com teus lindos cabelos.

Ou talvez...
Numa chuva fina,
Para furtivamente percorrer todo teu ser.

Ah! Se eu pudesse.

Se eu pudesse... me transformaria,
Num belo sol,
Para acalentar e iluminar teus dias.
Quem sabe...
No ar que te rodeia,
Para inalar teu cheiro e teu perfume.


Ou talvez...Numa bruma vespertina,
Para suavemente te abraçar.

Ah! Se eu pudesse.

Se eu pudesse... me transformaria,
Numa linda lua cheia,
Para velar e proteger teu sono.
Quem sabe...
Num sonho lindo,
Para inundar de felicidade teu coração.
Ou talvez...
No teu próprio coração,
Para ficar eternamente juntinho de você.


Ah! Se eu pudesse.
Autoria Desconhecida

Postagens em destaque

VERSOS, PARA MEU NETO...

Um dia você chegou... Trouxe consigo o melhor verso. A brisa que acaricia, O vento que embala. Seu sorriso trouxe o alvorecer.   ...