terça-feira, setembro 08, 2009

LIZANDRA, LIKA!!!


Hoje, em meio à realidade da vida.
Embarco na quimera, nos devaneios..
Para assim, com versos e rimas,
Tentar expressar-lhe um pouco do meu carinho.
No silencio da inspiração
Busco palavras, frases a serem ditas...
Mas minha concentração
É roubada pela alegria de sua gargalhada.
Olho pra você
E vejo em seu rosto.
Uma alegria desenhada.
Seus olhos reluzem felicidade.
E no reluzir de um intenso sorrir
Expressas coisas tão boas que me sinto contagiar.
Então, ao invés de criar uma poesia, resolvo apenas expressar a beleza do seu olhar...
Diferente dos outros dias, hoje seu olhar está mais radiante.
E de repente, é como se contemplasses um lindo por do sol no horizonte a sua frente...
Tento definir sua expressão, mas...
As palavras não conseguem traduzir sua preciosa expressão.
Sinto doçura em seu falar.
E seu sorriso parece mesmo irradiar um arco-íris cintilante.
A murmurar afeto e amizade.
Ao fundo um canto alegre e especial.
Ecoava notas de emoção.
Era os passarinhos que num canto singelo
Pareciam contagiados pela sua alegria e emoção.Alegria e emoção pelo Dom da vida.
Uma vez que
Ontem foi comemorado seu aniversário.
O céu azul, o vento que batia sobre as árvores...
Fazia o cenário bonito a embelezar as cores do seu contentamento.
Eu, cá do meu canto, apenas fico contente.
Em poder fazer parte do seu momento presente.
E junto com você
Celebrar a felicidade da vida
E todo seu encantamento.
Por isso, Lika!
Desejo que...
Deus continue abençoando cada momento de sua existência.

Feliz Aniversário.


Um grande abraço


Com carinho



Socorro Carvalho

MEU PRESENTE QUE GANHEI DE DEUS













Não preciso palavras para dizer o quanto estou orgulhosa de você, filho querido!!
Te Amo...Infinitamenteeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee....
Beijos
Socorro Carvalho
Santarém, 05 de Setembro de 2009.





ESSA TURMA... AGITA SANTARÉM!!!


D. Raimunda Sena, D. Osvaldina Rodrigues
e D. Raimunda Carvalho ( minha mamita)
TRÊS MENINAS DE OURO.
Sinceramente, acho essa turma maravilhosa.
Senhoras poderosas e sensacionais.
Deus conceda a elas muita SAÚDE.



D. Raimunda Carvalho com a Bandeira de Santarém.



D. Raimunda Sena ( mãe de Pe. Ivair) com a Bandeira do Estado do Pará


D. Osvaldina Rodrigues ( mãe do meu amigo Deco) com a Bandeira do Brasil



Desfile noturno, Dia 05 de Setembro, na Orla de Santarém.









O TREM DA VIDA


Há algum tempo li um livro que comparava a vida a uma viagem de trem. Uma leitura extremamente interessante, quando bem interpretada.

Isso mesmo, a vida não passa de uma viagem de trem, cheia de embarques e desembarques, alguns acidentes, agradáveis surpresas em muitos embarques e grandes tristezas em alguns desembarques.


Quando nascemos, entramos nesse magnífico trem e nos deparamos com algumas pessoas, que julgamos, estarão sempre nessa viagem conosco, nossos pais.

Infelizmente isso não é verdade, em alguma estação eles descerão e nos deixarão órfãos do seu carinho, amizade e companhia insubstituível. Isso porém não nos impedirá que durante o percurso, pessoas que se tornarão muito especiais para nós, embarquem. Chegam nossos irmãos, amigos, filhos e amores inesquecíveis!


Muitas pessoas embarcarão nesse trem apenas a passeio, outras encontrarão no seu trajeto somente tristezas e ainda outras circularão por ele prontos a ajudar quem precise.

Vários dos viajantes quando desembarcam deixam saudades eternas, outros tantos quando desocupam seu assento, ninguém nem sequer percebe.


Curioso é constatar que alguns passageiros que se tornam tão caros para nós, acomodam-se em vagões diferentes dos nossos, portanto somos obrigados a fazer esse trajeto separados deles, o que não nos impede é claro que possamos ir ao seu encontro.No entanto, infelizmente, jamais poderemos sentar ao seu lado,pois já haverá alguém ocupando aquele assento.
Não importa, é assim a viagem, cheia de atropelos, sonhos, fantasias, esperas, despedidas, porém, jamais, retornos. Façamos essa viagem então, da melhor maneira possível, tentando nos relacionar bem com os outros passageiros, procurando em cada um deles o que tiverem de melhor, lembrando sempre que em algum momento eles poderão fraquejar e precisaremos entender, porque provavelmente também fraquejaremos e com certeza haverá alguém que nos acudirá com seu carinho e sua atenção.


O grande mistério afinal é que nunca saberemos em qual parada desceremos, muito menos nossos companheiros de viagem, nem mesmo aquele que está sentado ao nosso lado. Eu fico pensando se quando descer desse trem sentirei saudades.Acredito que sim, me separar de muitas amizades que fiz será no mínimo doloroso, deixar meus filhos continuarem a viagem sozinhos será muito triste com certeza....mas me agarro na esperança que em algum momento estarei na estação principal e com grande emoção os verei chegar. Estarão provavelmente com uma bagagem que não possuíam quando embarcaram e o que me deixará mais feliz será ter a certeza que de alguma forma eu fui uma grande colaboradora para que ela tenha crescido e se tornado valiosa.

"Amigos, façamos com que a nossa estada nesse trem seja tranqüila, que tenha valido a pena e que quando chegar a hora de desembarcarmos o nosso lugar vazio traga saudades e boas recordações para aqueles que prosseguirem a viagem".


Beijos e abraços...
Mayra Celina
Boa Vista - Roraima
* Mayra, obrigada pela mensagem.
Um beijão pra você...saudades.

MEU AFILHADO ÁLAVRO!! LINDÃO!!


Desfile de 05 de setembrona n a Av. 06 de julho
Município de Faro.



Aqui, meu afilhado Álvaro Heleno, no desfile,
vestido de D.Pedro I.




Simplesmente, lindo,!!!
Beijos, Alvinho!!

Dindinha, está com saudades de você, viu.

Te Amo.
Socorro Carvalho


Postagens em destaque

Maria Maria

Maria, Da lua Herdastes brilho e serenidade. Do sol Juntastes calor e esperança. Doce Maria! De encanto, de amor. Suave como a b...