domingo, outubro 10, 2010

MÚSICA: UMA CRIANÇA COM SEU OLHAR



Nem sempre as palavras conseguem traduzir o que guardamos no silêncio do olhar...


VIVER


"Gastei uma hora pensando um verso, que pena não quer escrever.
No entanto ele está cá dentro inquieto, vivo. Ele está cá dentro. E não quer sair.
Mas a poesia deste momento inunda minha vida inteira.
Renda-se, como eu me rendi. Mergulhe no que você não conhece como eu mergulhei. Não se preocupe em "entender".
Viver ultrapassa todo o entendimento."


(Clarice Lispector)

ELEIÇÕES 2010 - PARÁ : PREFEITOS DO PMDB E DO DEM DECLARAM APOIO À ANA JÚLIA

Nove prefeitos do PMDB e dois do DEM no Pará já confirmaram apoio à campanha de Ana Carepa (PT), candidata à reeleição ao governo do Pará pela Frente Popular Acelera Pará. As reuniões com os prefeitos aconteceram nas últimas quinta e sexta-feiras, 7 e 8, no comitê central, conforme anunciou nesta sexta-feira um dos coordenadores da campanha de Ana Júlia, João Batista, presidente do PT no Pará.

Os prefeitos que acabam de assumir o apoio à candidata da Acelera Pará são:

01-  Márcia Cavalcante (PMDB), de São Miguel do Guamá;

02 - Iran Lima (PMDB), de Moju;

03 - Cláudio Barroso (PMDB), de São João de Pirabas;
04 - Amós Bezerra (PMDB), de Augusto Corrêa;

05 - Fernando Cruz (PMDB), de Curuçá;
06 - Wenderson Chamon, o "Chamonzinho" (PMDB), de Curionópolis;

07 - Joaquim Nogueira Neto (PMDB), de Dom Eliseu;

09 - Sei Ohaze, o "Pedro Japonês" (PMDB), de Santarém Novo;

 10 - Itamar Cardoso do Nascimento (PMDB), de Goianésia do Pará;

11- Rosiel Costa (DEM), de Mocajuba;

 12 -  Ivo Muller (DEM), de Medicilândia.

Além desses, o prefeito eleito de Rondon do Pará, Olávio Rocha (PMDB), e o ex-prefeito Edilson Oliveira (PMDB), que são fortes lideranças no município, também consolidaram o apoio à Ana Júlia.


Fonte: Comitê de Comunicação Popular

RELIGIÃO: NOTÍCIAS DA DIOCESE DE SANTARÉM

Monte Dourado festeja N. Sra. de Nazaré

# A paróquia de Monte Dourado, município de Almeirim, homenageia sua padroeira, N. Sra. de Nazaré desde o último dia 02/10. Este ano, os comunitários refletem o tema: Nas mãos de Maria, a Eucaristia a serviço da vida. No sábado,09/10, às 08h, aconteceu a Romaria fluvial. Às 17h, transladação da imagem saiu  da igreja até o município de Laranjal do Jari/ AP. Dia 12, às 07h acontece o círio das crianças. As homenagens prosseguem até o dia 17.


Comunidade de Fátima celebra 63 anos

## A comunidade N. Sra. de Fátima celebra 63 anos de vida. Para comemorar a data, está acontecendo a peregrinação da imagem de Fátima nas CEBs com a presença das famílias. Hoje, 09/10, acontece uma homenagem aos que contribuíram na história da comunidade. Na quarta-feira 13, dia do aniversário, será realizada a celebração Eucarística às19h15, com a renovação dos ministérios das lideranças da comunidade.


Guajará homenageia N. Sra. da Salvação

##A comunidade de Guajará- região pastoral Oito- festeja sua padroeira Nossa Senhora da Salvação. Transladação, levantação de mastro, liturgia fazem parte da programação, que conta com a presença de outras comunidades, grupos, pastorais, escola. A festa prossegue até o dia 17 e destaca o tema: “Virgem da Salvação mensageira da Paz, alimenta nossa fé para não sermos escravos do dinheiro e viver uma economia solidária”.

 
Congregação de Santa Cruz terá primeiro santo

## No domingo dia 17, será canonizado o primeiro santo da Congregação dos Irmãos de Santa Cruz, André Bessette. A cerimônia de santificação vai acontecer em Roma, pelo papa Bento XVI. André nasceu no Canadá em 1845 e faleceu em 1937, aos 91 anos. Ele era porteiro e acolhia os pobres, aflitos e doentes com o carisma de São José. Na celebração do dia 17, passará a ser chamado Santo André de Bessette.

 

São José, no Planalto, festeja São Francisco

## São Francisco, o santo da ecologia recebe homenagem dos comunitários de São José, BR – 163, planalto santareno. Este ano as homenagens são baseadas no tema: “São Francisco ajuda-nos a viver a economia solidária”. Outras comunidades partilham suas experiências durante as noites da festa. Dia 10 de outubro, no encerramento, a celebração será presidida pelo bispo diocesano, Dom Esmeraldo. Um abraço ao padre Carlinhos e a todos que fazem a paróquia São José.

 
A agenda do bispo diocesano, Dom Esmeraldo.

#Dia 12/10, às 08h, ele preside o sacramento da Crisma na comunidade Sant’Ana. Às 18h, participa do encerramento da festa de N. Sra. Aparecida. Dia 13, dom Esmeraldo crisma os jovens da comunidade N. Sra. do Livramento, às 19h30. No dia 16, ele visita os seminaristas em Belém. No dia 17, preside celebração na festa de N. Sra. de Nazaré em Belém. E no período de 18 a 22, dom Esmeraldo participa da reunião do Conselho permanente da CNBB, em Brasília.

 
Calendário de visitas do Pe. Antonio Cláudio

## Vigário da paróquia Santo Inácio de Loyola- Rio Tapajós, padre Antonio Cláudio visita dia 14 deste mês, pela manhã, a comunidade Itapaiúna. Dia 15, a visita será na comunidade Paraíso. Dia 16, pela manhã ele estará em Nova Vista e pela tarde na comunidade Nuquini. No domingo dia 17, padre Antonio Cláudio estará em Boim para celebração e em seguida reunião com os crismandos de Tucumatuba, Rosário e Boim.



São João promove seminário sobre religiosidade popular

## Nos dias 14 e 15 deste mês de outubro, a comunidade São João Batista (bairro Jardim Santarém) promove um seminário sobre o tema: Religiosidade Popular. Será no salão comunitário e, é destinado às CEBs, grupos, e movimentos religiosos locais. O evento inicia às 19h30 e tem a assessoria do Padre Luis Pinto, vigário da comunidade.


Diocese promove curso de atualização teológica

# De 14 a 16 de outubro, será realizado no Centro de Formação Emaús, o curso de atualização teológica-pastoral. O curso é destinado aos padres, agentes de pastoral, religiosos e lideranças comunitárias comprometidas com o trabalho nas áreas pastorais. Os participantes vão estudar o tema: “Reencantamento da utopia cristã”. Os interessados podem fazer sua inscrição no Centro Diocesano de Pastoral. A assessoria é do padre Alfredo José Gonçalves. O evento é em parceria com o IPAR – Instituto de Pastoral Regional e faz parte da prioridade pastoral da Diocese: Evangelização e formação missionárias. Inicia às 08h do dia 14 e encerra às 12h do dia 16/10. Faça logo sua inscrição.

 
Projeto Ações Anti-drogas será desenvolvido nas escolas

## A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil- Regional Norte Dois está promovendo o projeto Ações Anti-drogas nos estados do Pará e Amapá. Em Santarém, é realizado pela Diocese, através da atividade: Mutirão informativo nas escolas para Prevenção contra drogas. Serão visitadas as escolas Terezinha Rodrigues, Dom Tiago Ryan, São Felipe e Belo de Carvalho, no período de 18 a 22 de outubro, nos turnos da manhã, tarde e da noite.

E se você também quer ajudar nesse trabalho, ligue para 3522-2705, 3522-1175. Se somos discípulos missionários de Jesus, vamos contribuir na prevenção de jovens e adolescentes contra as drogas, um caminho que pode não ter volta. A coordenação é da Pascom, Pastoral da Juventude, Pastoral do Menor e Ensino Religioso Escolar.
 

 
Cristo Libertador será homenageado na Interventoria

#De 24 a 31 deste mês os comunitários do bairro da Interventoria irão festejar seu padroeiro, Cristo Libertador. A programação (que está em sintonia com a grande diocesana de evangelização) inicia às 19h do dia 24 com o Círio Luminoso, saindo da igreja de N. Sra. do Livramento. Na chegada a Cristo Libertador, será realizada a celebração. A festa terá ainda a participação de outras comunidades. Todas as noites terá programação cultural.



Diocese ordena mais um diácono

## No dia 30 de outubro, será ordenado diácono o seminarista Raimundo Nélio Monteiro Cardoso. A celebração vai acontecer na comunidade Vila Franca, às 09h da manhã, com a participação de comunidades vizinhas, padres e religiosos. Nélio Cardoso é natural do rio Arapiuns e fez seus estudos preparatórios em Belém.

 
VEM AÍ O DNJ

## O Dia Nacional da Juventude – DNJ em nível de cidade de Santarém. Será no dia 12 de novembro, às 18h, através de uma caminhada na Orla da cidade até o Museu João Fona. O evento vai abordar o tema: “Juventude no pôr do sol do Tapajós” e tem a coordenação do Conselho de Pastoral da cidade de Santarém e do Setor Juventude da Diocese. Organize logo sua comunidade, seu grupo de jovens, de crisma, escola para este grande evento em Santarém. No próximo programa, mais detalhes.



12ª Semana do Dízimo será em novembro

## Vem aí a 12ª Semana do Dízimo. Será de 07 a 14 de novembro em todas as comunidades da Diocese de Santarém. Este ano a Semana vai abordar o tema: “Dízimo; o rosto da comunidade missionária”. Celebrações, visitas, palestras, encontros, partilha fazem parte da programação está em sintonia com a grande Missão Diocesana de Evangelização.

 
 
Ercio Santos
Coordenador da Pastoral da Comunicação de Santarém
 
 
* Só ressaltando ao amigo Júlio Cesar lá de Belém que já consegui, junto a coordenação da festa,  o Programa da Festa de Nossa Senhora da Conceição -2009. Por favor entre em contato pelo email disponível no blog, ok. (Socorro Carvalho)

POLÍTICA : CARTA ABERTA A MARINA SILVA


Marina,... você se pintou?

“Marina, morena Marina, você se pintou” – diz a canção de Caymmi. Mas é provável, Marina, que pintaram você. Era a candidata ideal: mulher, militante, ecológica e socialmente comprometida com o “grito da Terra e o grito dos pobres”, como diz Leonardo.

Dizem que escolheu o partido errado. Pode ser. Mas, por outro lado, o que é certo neste confuso tempo de partidos gelatinosos, de alianças surreais e de pragmatismo hiperbólico? Quem pode atirar a primeira pedra no que diz respeito a escolhas partidárias?

Mas ainda assim, Marina, sua candidatura estava fadada a não decolar. Não pela causa que defende, não pela grandeza de sua figura. Mas pelo fato de que as verdadeiras causas que afetam a população do Brasil não interessam aos financiadores de campanha, às elites e aos seus meios de comunicação. A batalha não era para ser sua. Era de Dilma contra Serra. Do governo Lula contra o governo do PSDB/DEM. Assim decidiram as “famiglias” que controlam a informação no país. E elas não só decidiram quem iria duelar, mas também quiseram definir o vencedor. O Estadão dixit: Serra deve ser eleito.

Mas a estratégia de reconduzir ao poder a velha aliança PSDB/DEM estava fazendo água. O povo insistia em confirmar não a sua preferência por Dilma, mas seu apreço pelo Lula. O que, é claro, se revertia em intenção de voto em sua candidata. Mas “os filhos das trevas são mais espertos do que os filhos da luz”. Sacaram da manga um ás escondido. Usar a Marina como trampolim para levar o tucano para o segundo turno e ganhar tempo para a guerra suja.

Marina, você, cujo coração é vermelho e verde, foi pintada de azul. “Azul tucano”. Deram-lhe o espaço que sua causa nunca teve, que sua luta junto aos seringueiros e contra as elites rurais jamais alcançaria nos grandes meios de comunicação. A Globo nunca esteve ao seu lado. A Veja, a FSP, o Estadão jamais se preocuparam com a ecologia profunda. Eles sempre foram, e ainda são, seus e nossos inimigos viscerais.

Mas a estratégia deu certo. Serra foi para o segundo turno, e a mídia não cansa de propagar a “vitória da Marina”. Não aceite esse presente de grego. Hão de descartá-la assim que você falar qual é exatamente a sua luta e contra quem ela se dirige.

“Marina, você faça tudo, mas faça o favor”: não deixe que a pintem de azul tucano. Sua história não permite isso. E não deixe que seus eleitores se iludam acreditando que você está mais perto de Serra do que de Dilma. Que não pensem que sua luta pode torná-la neutra ou que pensem que para você “tanto faz”. Que os percalços e dificuldades que você teve no Governo Lula não a façam esquecer os 8 anos de FHC e os 500 anos de domínio absoluto da Casagrande no país cuja maioria vive na senzala. Não deixe que pintem “esse rosto que o povo gosta, que gosta e é só dele”.

Dilma, admitamos, não é a candidata de nossos sonhos. Mas Serra o é de nossos mais terríveis pesadelos. Ajude-nos a enfrentá-lo. Você não precisa dos paparicos da elite brasileira e de seus meios de comunicação. “Marina, você já é bonita com o que Deus lhe deu”.



Maurício Abdalla
 Professor de filosofia da UFES, autor de Iara e a Arca da Filosofia (Mercuryo Jovem), dentre outros. ES


MÚSICA: VELHA INFÂNCIA - TRIBALISTA



Linda música!!
 
Certas composições nos dão a impressão
de que foram inspiradas em nossas histórias de vida...
Dizem tudo...
O que muitas vezes o coração precisa esconder.
Esse é um dos grandes fascínios da arte musical.

MEIO AMBIENTE: SAIBA QUAL É A ROTA DO TRÁFICO DE ANIMAIS SILVESTRES NO BRASIL


O tráfico de animais silvestres está entre as atividades ilícitas mais praticadas no mundo, atrás apenas do tráfico de armas, tráfico de drogas e tráfico de seres humanos, segundo a Polícia Federal. No Brasil, o problema não é menor: o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) apreendeu, só até setembro deste ano, mais de 8,8 mil animais silvestres pelo país. Em 2009, o número ultrapassou os 31 mil.

A principal rota do tráfico de animais silvestres no Brasil começa na Região Nordeste, com a retirada de espécies da natureza, e segue até o grande mercado consumidor da fauna no país: a Região Sudeste. Segundo o Ibama, os estados onde ocorre a maior parte das capturas de animais são Maranhão, Bahia, Ceará, Piauí e Mato Grosso. Já os estados com o maior mercado consumidor são São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro.

“As principais ‘fornecedoras’ de animais para o tráfico são as pequenas populações ribeirinhas, em que há um elevado grau de pobreza. A falta de capacidade financeira, em épocas de estiagem, por exemplo, leva essa população a recorrer a outras formas de renda, como a venda de espécies disponíveis em sua região. Isso ocorre muito em assentamentos. Sem suporte, algumas pessoas recorrem ao tráfico como um meio de sobrevivência”, afirma o coronel Angelo Rabelo, oficial da reserva da Polícia Militar Ambiental, e coordenador do Curso de Estratégias para Conservação da Natureza, um programa de capacitação de oficiais.
 
Além da comercialização por intermédio de traficantes, a venda de animais também acontece em estradas pelo país, principalmente na Região Nordeste. “É comum a venda de tartaruguinhas e jiboias, levadas por turistas como ‘lembranças’. Ainda assim, isso é minoria. O maior volume de animais é destinado ao tráfico. Os traficantes usam o conhecimento empírico dessas populações para aliciar essas pessoas. Os animais são, em geral, encomendados, e o valor pago é muito baixo”, diz Raulff Ferraz Lima, coordenador executivo da Rede Nacional de Combate ao Tráfico de Animais Silvestres (Renctas).
 
Segundo o Relatório Nacional sobre o Tráfico de Fauna Silvestre, publicado pela Renctas, 60% dos animais comercializados ilegalmente são para consumo interno, o chamado tráfico doméstico. Seguem para destinos internacionais 40% dos animais retirados da fauna brasileira. De acordo com Lima, a exportação ilegal de aves e peixes ornamentais é feita, principalmente, para a Europa. Na Ásia, o consumo majoritário é de répteis e insetos. Já na América do Norte, o mercado consome principalmente primatas, papagaios e araras.
 
No Brasil, de forma geral, as aves são as mais comuns em apreensões de tráfico. Segundo o Ibama, elas correspondem a 80% do total, sendo que destas, 90% são passeriformes, os pássaros, caracterizados pelo belo canto (curió, canário da terra, coleiros e trinca-ferro, por exemplo). Os psitacídeos (maioria papagaios, seguido de jandaias, periquitos e araras) representam 6% e as demais ordens de aves correspondem aos outros 4% das apreensões.
 
“As aves são as preferidas por suas características de cores e canto diferenciadas, e pelo valor que têm”, afirma o coronel Rabelo.
 
Finalidades do tráfico – O tráfico de animais silvestres pode ser enquadrado em algumas categorias, cada um com particularidades com relação a destinos e animais “prediletos”. O mercado que movimenta, segundo Lima, a maior soma de recursos no país é o de colecionadores particulares. “Eles priorizam animais ameaçados de extinção, que são mais caros e provocam um impacto maior no meio ambiente”, diz o diretor executivo da Renctas. Neste caso, os animais mais procurados são araras, papagaios e beija-flores.
 
Já os animais para companhia mais populares são iguanas, jiboias, arararas e papagaios, além de pássaros de canto e macacos. Outro uso comum de animais traficados é a biopirataria – que retira animais da natureza para pesquisas científicas. As serpentes venenosas e os insetos aparecem como os mais procurados nesta categoria.
 
Especialistas ressaltam que não são comuns apreensões de insetos, aracnídeos e serpentes, isso porque são animais muito pequenos, transportados, em geral, já mortos, e por meio de serviços postais.

Risco de extinção – Segundo o Ibama, o tráfico de animais pode contribuir para a redução de espécies na natureza, tornando-as ameaçadas de extinção no país ou localmente. Alguns exemplos de animais ameaçados e objetos do tráfico são a arajuba, o papagaio-chauá, o curió, o bicudo e o cardeal. O tráfico contribuiu para a extinção na natureza da ararinha-azul, que hoje só existe em cativeiro.
 
O coronel Rabelo ressalta ainda o caso do mico-leão-dourado, referência pela beleza e pelo tamanho, que tende a não chamar atenção. “Ele chegou à linha crítica da extinção e hoje está reduzido à região do Posto das Antas, em pequenas populações”, afirma.

Fiscalização – O controle do tráfico de animais silvestres no Brasil se dá, em sua maioria, a partir de denúncias anônimas. Há fiscalização nas rotas já conhecidas como usadas pelo crime, com o auxílio da Polícia Federal, mas os animais são transportados, muitas vezes, de forma a não chamar a atenção dos agentes.
 
“A maior parte dos animais é transportada em veículos de pequeno porte, utilizando técnicas que levam muitas espécies à morte. Eles usam malas de viagem, fundos falsos de carro, e optam por trazer essas espécies como filhotes, porque dão menos trabalho e chamam menos a atenção”, diz o coronel da Polícia Militar Ambiental.
 
Já o Ibama realiza fiscalizações por meio de atividades de investigação e inteligência e recebimento de denúncias. O objetivo dessas atividades de investigação é averiguar a existência do tráfico de animais e detectar os envolvidos.
 
A análise do Sistema de Cadastro de Criadores Amadoristas de Passeriformes (Sispass) ajuda a identificar procedimentos suspeitos realizados pelos criadores, e assim direcionar operações de fiscalização.

“A utilização de técnicas de inteligência, que permitam conhecer a dinâmica desse fenômeno criminoso e identificar todos envolvidos, representa uma necessidade. Só através dela é possível identificar todos os envolvidos, e não apenas um ou dois elos dessa cadeia criminosa. Além disso, uma boa investigação também representa uma considerável economia de recursos ao fornecer informações precisas para embasar as decisões de natureza preventiva ou repressiva a serem tomadas”, diz Franco Perazzoni, delegado de Polícia Federal.
 
Com a criação de uma divisão especializada em crimes ambientais e de Delegacias de Repressão a Crimes contra o Meio Ambiente e Patrimônio Histórico, a Polícia Federal já realizou 14 operações voltadas ao combate ao tráfico de animais e biopirataria, desde 2003.
 
De acordo com Perazzoni, mais de 10 mil animais ilegais já foram apreendidos, e cerca de 200 prisões ocorreram, com destaque para a Operação Oxossi, deflagrada em março de 2009 em vários estados do Brasil e no exterior (com o apoio da Interpol), e que resultou na prisão de 112 pessoas. (Fonte: Nathália Duarte/ G1)

SAÚDE: 08 MOTIVOS PARA VOCÊ BEBER ÁGUA


Todo mundo já ouviu, pelo menos uma vez na vida, que o ideal é tomar cerca de 2 litros de água por dia. É verdade, esse líquido é muito importante para manter  nossos órgão em perfeito funcionamento. Mas, mesmo assim, muitas pessoas ainda não adotaram esse hábito saudável. Por isso, BOA FORMA conta para você quais são os 8 principais motivos para dar uma chance à água.

Por que beber água?

1 – Facilita a Digestão

A água ajuda na formação de enzimas (substâncias que facilitam as reações químicas no organismo) e também da saliva e do suco gástrico, que atuam na digestão.

2 – Combate o Inchaço

Sem uma hidratação adequada, o volume de sangue diminui. Assim, as vitaminas e os minerais que ele carrega demoram mais tempo para chegar às células e, conseqüentemente, na pele e nas extremidades como cabelo e unhas. Por outro lado, bem hidratada, sua pele fica bonita e seu cabelo e unhas fortes. Além disso, com uma boa irrigação, o organismo não retém sódio – responsável pelo inchaço.


3 – Reduz Infecções

Ao se manter hidratada, você assegura que seu corpo será bem nutrido pelo sangue. É ele também que transporta minerais, como o ferro – importante para fortalecer as defesas do organismo.

4 – Regula a Temperatura

Por meio da transpirraçãoo, a água evita que o organismo entre em colapso com alterações bruscas de temperatura e faz com que ele se adapte ao ambiente.

5 – Turbina a Performance na Malhação

O melhor desempenho em atividades físicas ocorre porque as fibras musculares “ficam azeitadas”, deslizando com mais facilidade, o que reduz o risco de cãibras e de contusões.


6 – Desintoxica e Previne a Celulite

Grande parte das toxinas é expulsa do nosso organismo por meio da urina e do suor. Por dia, eliminamos 1 litro e meio de urina e o equivalente a um copo de água na transpiração. Se não houver hidratação suficiente, esse processo – e a sua saúde! – fica comprometido. A água amolece as fezes, facilitando a eliminação delas. Todo esse conjunto, aliado à melhora na circulação sanguínea, acaba prevenindo o aparecimento de celulite.

7 – Ajuda a Emagrecer

Isso acontece principalmente quando ela é consumida junto com fibras solúveis, encontradas, por exemplo, nas frutas e na aveia. Em contato com a água, as fibras incham como uma esponja e dão sensação de saciedade. A água também pode “enganar” temporariamente o estômago com sua presença, mas, como ela não sofre digestão e absorção, essa sensação passa rapidamente e a fome reaparece.

8 – Melhora a Absorção dos Nutrientes

Vale lembrar que é o sangue que carrega a glicose e outros nutrientes para as células, alimentando-as. E só uma hidratação adequada garante o volume ideal de sangue para transportar os nutrientes. Além disso, para serem absorvidos, eles precisam da água. É o caso das vitaminas C e do complexo B, que reforçam nossas defesas.




Fonte: Boa Forma

Postagens em destaque

VERSOS, PARA MEU NETO...

Um dia você chegou... Trouxe consigo o melhor verso. A brisa que acaricia, O vento que embala. Seu sorriso trouxe o alvorecer.   ...