quinta-feira, dezembro 02, 2010

MANAUS : EU E EDER JOUBER NA GRAVAÇÃO DA RÁDIO REVISTA


Eu  da Rádio Rural de Santarém - PA e Eder Jouber da Rádio FM Castanho do Careiro -AM estavámos gravando a rádio revista que produzimos no curso.
O espaço é um dos estudios da Rádio Rio Mar mas gravamos no improviso, este estúdio é usado para gravação de músicas com bandas católicas. Estavámos na Rio Mar devido a falta de enérgia lá na Paulus.


Obsserve o improviso....rsrs
O gravador amarrado com ligas.
O importante era dar conta do trabalho e o improviso serviu como exercício da criatividadade.

Sinceramente foi uma experiência muito legal apesar de estarmos bem cansados do dia inteiro de trabalho ainda tivemos enérgia para finalizar nossas atividades com muita paixão.

Depois quando voltamos ao hotel passamos numa lanchonete e sabe  o que encontrei no cardápio? Vitamina de Guaraná daquelas que gosto.

Fiz o comercial ao colega Jouber e findamos recarregando nossas baterias com uma deliciosa vitamina aquela que aqui em Santarém chamamos de TURBINADO!!! Huuuummm uma delícia!!O Jouber gostou da recomendação pois nunca tinha tomado. Assim  foi um de  meus momentos em Manaus, Amazonas.

Socorro Carvalho

DESBITOLADOPOBREESQUISITOSOLITÁRIOLOUCOCOITADO

Você já notou como eu sou?
Que´u sou tão esquisito?
Qu´esquisito, não? – Já se fragou?


E você já notou como é?
Com´é tão conforme?
Conforme, não? – Já se fragou?


Quando uma pessoa é neurótica,
Você faz de conta qu´é só uma questão de ótica.
A sua, é claro! – Conformista.
Pois você prefere continuar não dando na vista.


Não é tão difícil sair da fileira?
Claro! – Exige pulso, impulso, força.
- Ser coerente, sincero, defender a verdade? – Que besteira!
- Deixe que a maioria a distorça.

 
Quando se está no bolo, não faz diferença,
já que todos são mesmo uma horda paciente.
Nunca se deve questionar a sua crença.
E só fazer de conta, que nada se sente.


Agora,… se há um “louco”, in-con-formado,
que procura viver consciente e com amor,
Ah! – Não passa de um pobre coitado.
Um bicho esquisito. – Um horror!


E todos continuam marchando,
no grupo dos conformistas;
Achando que, sendo totalitários,
seus pesadelos, egoístas, seriam solidários!?



Mas, vocês ainda não se deram conta,
que temos o mesmo destino?
E preferem viver como mosca tonta,
entregue às mãos de qualquer cretino?


Maioria, ou sozinho, não é tão importante.
O que vale é a Verdade! – É ser coerente!
É viver com consciência todo instante,
base de nossa real felicidade.



Você já notou como eu sou?
Qu´eu sou tão esquisito?
Qu´esquisito, não? – Já se fragou?



Arno Rochol ec. 01.05.91



* O poema foi escrito por Arno Rochol esse cara ai da  foto acima. Em Manaus, quando estivemos no curso de jornalismo ambiental, tive o privilégio de receber dele cópias de três dos seus poemas e lógico com autorização para postar em meu blog. Pelo que entendi, no poema,  Arno tentou se autodescrever através do eu lírico. Se conseguiu? Penso que sim. Mas de uma coisa sei, eese cidadão é um cara sensacional. Além de ser super inteligente é um grande ser humano que apenas se esconde por detrás desse rosto sério e em muitos momentos tão misterioso. E olha dou  graças a Deus por ter tido  o privilégio de conhecê-lo, ainda bem. Valeu Arno! Um grande abraço!
(Socorro Carvalho)

Postagens em destaque

VERSOS, PARA MEU NETO...

Um dia você chegou... Trouxe consigo o melhor verso. A brisa que acaricia, O vento que embala. Seu sorriso trouxe o alvorecer.   ...