sexta-feira, janeiro 21, 2011

NOSSO AMOR...


"Se o amor for grande...
a espera não será eterna,
os problemas não serão dilemas,
e a distância será vencida.

Se a compreensão insistir,
as brigas fortalecerão-nos,
os fatos farão-nos rir,
e os diálogos marcarão-nos.

Se o respeito prevalecer,
os carinhos serão doces e suaves,
os beijos profundos e cheios de valor,
e os abraços calorosos e confortantes.

Se a confiança existir,
a dúvida se extinguirá,
as perguntas serão respondidas,
e as palavras poderão ser ditas.

Talvez não seja um amor eterno.
E não é um amor doentio,
Nem um amor ideal.
Mas um amor verdadeiro.
Aquele que vence as barreiras
Impostas pela vida e pelas ocasiões.
Aquele que não teme a escolha,
E faz a opção de simplesmente
Ser intensamente vivido".

Uma flor...
Para  VOCÊ!!!

TE AMO.. do tamanho da girafa!!!
 
 
Até mais....
 
 
Socorro Carvalho

ISSO É MUITO BOM...

"Há certas horas, em que não precisamos de um Amor...
Não precisamos da paixão desmedida...
Não queremos beijo na boca...
E nem corpos a se encontrar na maciez de uma cama...

Há certas horas, que só queremos a mão no ombro,
 o abraço apertado ou mesmo o estar ali, quietinho, ao lado...
Sem nada dizer...

Há certas horas, quando sentimos que estamos pra chorar,
que desejamos uma presença amiga, a nos ouvir paciente,
a brincar com a gente, a nos fazer sorrir...


Alguém que ria de nossas piadas sem graça...
Que ache nossas tristezas as maiores do mundo...
Que nos teça elogios sem fim...
E que apesar de todas essas mentiras úteis, nos seja de uma sinceridade
inquestionável...

Que nos mande calar a boca ou nos evite um gesto impensado...
Alguém que nos possa dizer:
Acho que você está errado, mas estou do seu lado...
Ou alguém que apenas diga:
Sou seu amor!
E estou Aqui"!

A FLOR E O ARROZ


Um sujeito estava colocando flores no túmulo de um parente, quando vê um chinês colocando um prato de arroz na lápide ao lado.

Ele se vira para o chinês e pergunta:

- Desculpe, mas o senhor acha mesmo que o defunto virá comer o arroz?

E o chinês responde:

- Sim, quando o seu vier cheirar as flores.

Moral da História:

"Respeitar as opções do outro, em qualquer aspecto, é uma das maiores virtudes que um ser humano pode ter. As pessoas são diferentes, agem diferente e pensam diferente. Portanto, nunca julgue. Apenas tente compreender."

TE AMO DO TAMANHO DA GIRAFA

Dia desses estava conversando com uma amiga pelo telefone, quando, de repente ela disse: “TE AMO DO TAMANHO DA GIRAFA”. Fiquei surpresa com a frase, mas não com o afeto que continha nela, pois ao longo dos anos de nossa amizade, sempre tivemos a cumplicidade de expressar nossos sentimentos uma à outra. Minha surpresa tinha relação com o QUE TAL FRASE REALMENTE SIGNIFICAVA “(....amor do tamanho de uma girafa? O que seria?).



Em seguida, minha amiga explicou que durante uma de suas aulas (ela é professora), foi exatamente esta frase que ouviu de uma de suas alunas (com idade entre 4 e 5 anos). Contou que durante uma de suas explicações, a garotinha olhou-a bem nos olhos e anunciou: “PRÔ, EU TE AMO DO TAMANHO DA GIRAFA!” e voltou aos seus afazeres, sem mais nada dizer. Sem que a professora pudesse aprofundar-se no tema.

Tal situação invadiu os meus pensamentos, passei dias refletindo: “o que realmente está contido nesta frase?”. Nós adultos temos a incrível necessidade de questionar tudo, de ampliar tudo, de querer entender tudo... Mas...QUANTO DE AMOR SIGNIFICA: TE AMO DO TAMANHO DA GIRAFA. Será que NÓS ...adultos...somos capazes de quantificar tal expressão? E se formos.... será que realmente somos capazes de entender seu real significado?



Sabemos que as crianças durante a primeira infância raciocinam através do PENSAMENTO CONCRETO e são incapazes de abstrair. É só com o seu desenvolvimento que sua forma de pensar também se transforma. Mas, se por um lado, quando criança ela não entende o abstrato, é com ela também que muitos de nós aprendemos nossas maiores e mais importantes lições, pois a criança é capaz de sentir e expressar-se sem culpa, vergonha e restrições; a criança é capaz de avaliar, comparar e EXPRESSAR seus pensamentos de uma forma invejavelmente libertadora.



Impossível é então, deixar de perguntar: “QUANTO É AMAR DO TAMANHO DA GIRAFA?” Amar muito? Amar de forma grandiosa? È amar o mais alto que a vista seja capaz de enxergar? Em quê pensava esta criança ao expressar-se assim? Nunca saberemos a verdade (se é que é realmente importante conhecê-la), só teremos a certeza de que a professora dela mereceu a confissão.



E nós? “ADULTOS?” O que amamos do tamanho da girafa?



Ou ainda: Quando nos perdemos desta pureza de sentimentos? Quando deixamos de nos expressar? Quando começamos a mentir? A omitir... Coisas, pensamentos e sentimentos? Quando iniciamos esta loucura que vemos hoje? Pais que matam e mutilam filhos; Filhos que são arremessados de janelas de casas ou de carros; netos que maltratam seus avós; filhos que – por ciúmes, doença ou ganância, cometem crimes bárbaros contra seus pais?



Quando deixamos de amar alguém “DO TAMANHO DA GIRAFA?” e passamos a amar outras coisas? O QUE NÓS AMAMOS DO TAMANHO DA GIRAFA? Poder? Prestígio? Dinheiro? “Status?”,PosiçãoSocial?



Quando deixamos de amar? Quando NOS DEIXAMOS? E nos trocamos. ...nos trocamos pelo quê?



Será que TROCAMOS O SER PELO TER? O “NÓS” PELO “EU”?



A sensação que possivelmente teremos – ao observarmos uma criança – é que a vida é bem mais simples do que “NÓS ADULTOS” planejamos e fazemos dela. A vida é COMO DECIDIMOS QUE ELA SEJA, em outras palavras, COMO ESCOLHEMOS VIVÊ-LA.



Esta criança sábia utilizou-se certamente do maior animal que conhecia, para falar do tamanho do seu amor pela professora. Não precisou de títulos para nos ensinar o óbvio: QUE O AMOR É PARA SER EXPRESSO, COMPARTILHADO, SENTIDO... CONFESSADO!



Esta criança foi SÁBIA porque não teve pudores, pois... AMA E DIZ...e certamente DISSE NO INSTANTE EM QUE SENTIU....pois não ESPEROU terminar o ano para dizê-lo, não ESPEROU terminar o dia para confessá-lo, não ESPEROU sentir-se AMADA para revelar.....apenas disse no instante em que sentiu! Por isso, sua sabedoria está além de títulos, “simplesmente” porque SOUBE MANIFESTAR O SEU AMOR A ALGUÉM... ”simplesmente” porque foi honesta com seus sentimentos, generosa com o próximo.



Os consultórios de psicologia estão repletos de pessoas cuja queixa faz relação ao AMOR e a carência em encontrá-lo. AMOR não somente na forma “homem x mulher” e suas variáveis, mas o AMOR entre pais e filhos, filhos e pais; amor entre os amigos; amor pelo que se Faz, Acredita, por uma Causa, uma Crença... um Valor! Ao invés disso, observamos a competição, a correria, a acomodação, o “deixar para amanhã”, o individualismo, a “falação desenfreada e desconexa”, a argumentação dos próprios valores sem que haja empatia pelo outro.



“AMAR DO TAMANHO DA GIRAFA”, deveria ser um PROJETO DE VIDA, uma FILOSOFIA... UM NOVO CONCEITO DE MILÊNIO, porém, ao invés disso, intelectualizamos, criamos teorias....quando talvez o mais sensato fosse apenas dizer: “EU TE AMO” - “VOCÊ É REALMENTE MUITO IMPORTANTE NA MINHA VIDA!”. Quem sabe deveríamos dizer mais vezes e a mais pessoas: EU TE AMO! AMAR, AMAR, AMAR E EXPRESSAR O AMOR, sem que necessariamente espere-se algo em troca!



John Lennon já dizia: “só precisamos de amor!”



A idéia aqui, não é “intelectualizar a atitude da criança”, mas simplesmente... IMITÁ-LA em nossas vidas e com àqueles que AMAMOS para que, dessa forma, cada um deles saiba da importância que possui em nossa existência, para que cada um deles saiba o verdadeiro lugar que ocupam em nossos corações.



Sábia criança... Sábias palavras! É a única conclusão que precisamos fazer.

E você?



Quer dizer “EU TE AMO DO TAMANHO DA GIRAFA para alguém hoje? EXPERIMENTE!



Quem sabe VOCÊ será o MAIOR BENEFICIADO COM TAL ATITUDE

Se você for capaz de compreender a grandeza dessa frase, será merecedor de ouvir: EU TE AMO DO TAMANHO DA GIRAFA

 
 
* Final de tarde com chuva em Santarém... acessando a net encontrei esse texto e achei tão interessante que resolvi trazer para partilhar. Ainda ontem conversava sobre isso com um novo amigo virtual e falavámos dessa valorização do ter e do esquecimento do ser. E hoje, me deparo com esse texto simples e ao mesmo tempo tão precioso... é longo, mas vale uma boa leitura!!! E de repente vai se despir das frescuras e dizer que ama do tamnho da girafa...
Faça isso... pois eu já amo do tamanho da girafa.

ESSÊNCIA DA POESIA...

... quando explicamos a poesia ela torna-se banal.
Melhor do que qualquer explicação é a experiência directa das emoções,
 que a poesia revela  a uma alma predisposta a compreendê-la.




(Pablo Neruda)

CARLOS EDUARDO JOSEPH!! OUTRO CALOURO DA UFOPA!!!

Ei menino lindo!!! Parabéns por mais essa aprovação!!
Da Equipe do Rádio pela Educação receba nosso carinho e Parabéns!!
Estamos orgulhosos e orgulhosas de você!!
É isso ai.. continue sempre esse menino lindo, maravilhoso, inteligente!!
E acima de tudo
continue sempre esse cara simples, dedicado, humilde, prestativo, despojado e super especial!!!
Estamos torcendo por você, viuuuuu!!!

Sucesso!!!


É o que desejamos a você


Equipe de Coordenação do Rádio pela Educação

JORGE MOTA - NOVO CALOURO DA UFOPA!!! OUTRA VEZZZZ!!!

É isso cara!!
Bota a cerveja pra gelar,  paga a tua, coloca a calabresa e o churrasco pra  assar que mais uma vez fostes aprovado na Universidade!!!
Dessa vez na UFOPA!!!
Deus te abençoe sempre!!!
E que assim...
possas continuar a ser  esse cara humilde, discreto e super inteligente!!
Sucesso!!
E olha só... vai lá  ocupar a vaga viu!!rsrs
Um grande abraço, cunhado!!

Parabéns!!!

Com carinho


 Da sua cunhadinha chata... Eu - Help

JOTA NINOS LAMBENDO A CRIA...


RECADO DE PAI CORUJA

Hoje é dia de felicidade para um pai coruja: meu filho caçula, Georgios Joannis Ninos Neto, 16 anos, acaba de passar em mais um vestibular!

Ele está na lista da UFOPA - Universidade Federal do Pará, uma das mais novas federais brasileiras, instalada em nossa cidade, Santarém/PA! Pelo novo sistema da universidade, ele não tem curso definido. Todos os alunos farão um semestre de disciplinas básicas com ensinamentos tradicionais voltados para temas amazônicos e só no segundo semestre, de acordo com o desempenho, poderá optar pelas disciplinas ofertadas. O sonho dele é cursar alguma Engenharia.

Além dessa universidade, ele também foi classificado no curso de Fisioterapia da UEPA - Universidade Estadual do Pará, há duas semanas. Mas provavelmente não cursará, apesar de ter tido o cabelo raspado por aquela aprovação...rsrsrs

E ainda pode ser chamado para uma vaga na UFAM - Universidade Federal do Amazonas, onde se inscreveu pelo SISU (pela nota do Enem), no curso de Engenharia de Materiais...

Para os amigos e parentes distantes que quiserem parabenizar meu molecão (ele merece, eu não...), podem mandar mensagem pros emails dele: georgios.ninos@gmail.com ou gjninos@hotmail.com, ou ainda pro celular dele: (093) 9127-1721 ou ainda no Twitter e Facebook, onde ele tem perfil...

Abraços!


João Georgios Ninos

Postagens em destaque

POEMA CABOCLO

Meu amor... Tem cor de alvorecer. Carícia de brisa das manhãs. Cor de pôr do sol. Aroma de cupuaçu... Sabor do bombom de muruc...