Postagens

Mostrando postagens de Dezembro 5, 2013

CORAÇÕES CALEJADOS

Imagem
Fala-se de mãos e pés calejados, mas pouco se fala de corações calejados. Portanto... quanta gente há por aí vivendo como se não fosse possível ter sentimentos porque um dia foram magoadas. As pessoas mais duronas, que parecem indiferentes ao amor, carinho e ternura, são pessoas endurecidas pela vida. São vítimas de uma dor que não souberam gerir.


Uma empresa mal administrada vai à falência; um coração mal dirigido vai à ruína. Somos nós os gerentes da nossa vida. A nós cabem as decisões importantes que conduzirão nosso caminho. Você já experimentou andar com um sapato apertado? No início a gente aguenta, faz até cara bonita e se diz que depois vai amaciar. Mas isso nem sempre acontece e depois de algum tempo percebemos que, mesmo se as pedras no caminho podem fazer mal, melhor mesmo é deixar esse sapato de lado, ainda que seja aquele que a gente tanto desejou e até se sacrificou para adquirir.


Há pessoas que calejam nosso coração. Fazem parte da nossa vida e as amamos, mas nos fazem…

O DEGUSTAR DO DESEJO

Imagem
Adoro  os seus   dedos  loucos,
Quando eles passeiam em  meu corpo.
Guiando sua boca
Vapor ardente a me queimar.
Jeito manhoso de me deliciar.
O lamber dos dedos,
A expressão da face,
O sorriso  de menino traquino.
A arte do querer.
Mistura de desejo e prazer.
Adoro seu cheiro de cio.
Fragrância que rima...
Remanso de carinho
A penetrar em  meus versos de amor.
Amor arteiro, travesso,
A navegar nos córregos do meu rio...
Adoro esse degustar insano,
Ardente e voraz sobre minha pele úmida.
Deslizando  suave no  degustar de seu beijo,
No calor da sua boca.
No delírio de sua língua louca...
O degustar de delírio e segredo.

Socorro Carvalho