quarta-feira, maio 23, 2007

POESIA CLASSIFICADA EM SEGUNDO LUGAR NO FESTIVAL DE POESIA DE SANTARÉM



LOUCURA DE UM VERSO

Insana, sacana
Navego em teu corpo
Faço-me ancorar em teus mistérios
Bebo o vinho do teu pecado
Embriago-me em teu corpo inteiro.

Deito-me em teu prazer
Escorrego no suor safado
Que te molha de desejo.
Sou paixão, sedução.
Amparo do teu coração.

Desejo! Prazer!
Verso inverso do querer
Anima meu ser
Adormeço em ti.


Desvario...
Loucura...
Verso que alucina
Faz gozar
Na rima escondida
Contida em teu ser.



Socorro Carvalho
Na foto de Ronaldo Ferreira:
A coordenadora de Cultura de Santarém Jarle Aguiar e Eu (Socorro Carvalho), após a entrega do troféu.







POESIA CLASSIFICADA EM QUINTO LUGAR NO FESTIVAL DE POESIA DE SANTARÉM

TEU RIO

Quero banhar-me em teus olhos
Navegar em teu abraço
Afogar-me
Na magia forte do teu amor.


Quero refrescar-me
No frio gostoso das tuas noites
Rolar na praia do teu leito
Ser peixe a nadar em teus mistérios.


Quero ser brisa
A passear suave
Na extensão do teu rio.

Socorro Carvalho

FESTIVAL DE POESIA PREMIA AS MELHORES


Na última sexta-feira, dia 18, aconteceu no Centro Recreativo, o II Festival da Poesia de Santarém, evento que fez parte das comemorações pela passagem dos 40 anos da Biblioteca Municipal Paulo Rodrigues dos Santos.

Na categoria estudante, o primeiro lugar ficou com Marizete Cordeiro, aluna da escola Madre Imaculada com a poesia Anjos de Branco e Anjos de Preto; na segunda colocação ficou a poesia Rica Sabedoria do poeta Bruno Sousa, aluno da escola Felisbelo Jaguar Sussuarana; o terceiro lugar ficou com Limeriques de Segunda a Sexta-feira, poesia de Tarcys Mallony Teixeira aluna do colégio Álvaro Adolfo da Silveira; Ana Charlene dos Santos, aluna da escola
Almirante Soares Dutra ficou em quarto lugar com a poesia Uma canção a mais; e, por fim, Bruno de Sousa foi mais uma vez premiado com Gosto Trevo.

Na categoria Poeta, o 1º lugar ficou com a poesia Metalingüística, do poeta João Carlos Bemerguy; a segunda colocação ficou com Socorro Carvalho com a poesia Loucuras de um Verso; a poesia Rua Deserta ficou em terceiro lugar e em quarto Várzea, ambas do poeta Daian Barroso; a quinta colocação ficou Teu Rio, de Socorro Carvalho. Depois de divulgado o resultado, a coordenação do Festival distribuiu a premiação para os primeiros colocados: 1º, 2º e 3º colocados receberam troféus, certificados e livros. Ao 4º e ao 5º colocados foram entregues plaquetas, certificados e um livro.

Fonte:Informativo da Prefeitura Municipal de Santarém - PMS

Postagens em destaque

Maria Maria

Maria, Da lua Herdastes brilho e serenidade. Do sol Juntastes calor e esperança. Doce Maria! De encanto, de amor. Suave como a b...