quinta-feira, maio 31, 2007

AMOR ANTIGO


O amor antigo vive de si mesmo

Não de cultivo alheio ou de presença.

Nada exige nem pede.

Nada espera,

Mas do destino vão negar a sentença.

O amor antigo tem raízes fundas,

Feitas de sofrimento e beleza.

Por aquelas mergulha no infinito,

E por estas suplanta a natureza.

Se em toda parte o tempo desmorona

Aquilo que foi grande e deslumbrante,

O antigo amor, porém, nunca fenece

E a cada dia surge mais amante.

Mais ardente, mas pobre de esperança.

Mais triste? Não.

Ele venceu a dor,

E resplandece no seu canto obscuro,

Tanto mais velho quanto mais amor.

Carlos Drummond de Andrade

FELIZ ANIVERSÁRIO!!


José Maria!


É interessante observamos que todos nós temos um dia que nos é dedicado.

Cada um de nós, com tantas diferenças e tão parecidos, possuímos ao nascer uma data que nos assegura levar adiante um dia de festa todos os anos.

E este dia é a comemoração do nosso aniversário!

O seu chegou mais uma vez!

E com certeza tantas pessoas que lhe conhecem, colega, estão lembrando desta data importante que é o seu aniversário!

É bom saber da sua existência, poder trabalhar do seu lado e conhecer você melhor.


Que Deus coloque em sua vida grandes bençãos, saúde e alegria.

E o mais você conseguirá.


Parabéns!


Feliz aniversário!

Um grande abraço!


Socorro Carvalho, Joelma Viana, Rosa Rodrigues, César Sousa e Genildo Júnior


* Na foto de Genildo Júnior - José Maria Gama (Diretor de Programação da Rádio Rural) e a esposa Socorro Gama - Na noite do Troféu Imprensa 2006.



A HISTÓRIA DE ROSA


No primeiro dia de aula nosso professor se apresentou aos alunos,
e nos desafiou a que nos apresentássemos a alguém
que não conhecêssemos ainda.

Eu fiquei em pé para olhar ao redor quando uma mão suave tocou meu ombro.
Olhei para trás e vi uma pequena senhora, velhinha e enrugada,
sorrindo radiante para mim.
Um sorriso lindo que iluminava todo o seu ser.
Ela disse: “Ei, bonitão. Meu nome é Rosa.
Eu tenho oitenta e sete anos de idade. Posso te dar um abraço?”
Eu ri, e respondi entusiasticamente:
“É claro que pode!”, e ela me deu um gigantesco apertão.

Não resisti e perguntei-lhe:
“Por que você está na faculdade em tão tenra e inocente idade?”,
e ela respondeu brincalhona:
“Estou aqui para encontrar um marido rico, casar, ter um casal de filhos,
e então me aposentar e viajar”.
Está brincando”, eu disse.


Eu estava curioso em saber o que a havia motivado a entrar neste desafio com a sua idade,
e ela disse: “Eu sempre sonhei em ter um estudo universitário, e agora estou tendo um!”

Após a aula nós caminhamos para o prédio da união dos estudantes,
e dividimos um milk shake de chocolate.
Nos tornamos amigos instantaneamente.
Todos os dias nos próximos três meses nós teríamos aula juntos e falaríamos sem parar.

Eu ficava sempre extasiado ouvindo aquela “máquina do tempo” compartilhar sua experiência e sabedoria comigo. No decurso de um ano, Rosa tornou-se um ícone no campus universitário,
e fazia amigos facilmente, onde quer que fosse.
Ela adorava vestir-se bem,
e revelava-se na atenção que lhe davam os outros estudantes.
Ela estava curtindo a vida!

No fim do semestre nós convidamos Rosa para falar no nosso banquete de futebol.
Jamais esquecerei o que ela nos ensinou. Ela foi apresentada e se aproximou do podium.
Quando ela começou a ler a sua fala, já preparada, deixou cair três, das cinco folhas no chão.
Frustrada e um pouco embaraçada, ela pegou o microfone e disse simplesmente:
“Desculpem-me, eu estou tão nervosa!
Eu não conseguirei colocar meus papéis em ordem de novo,
então deixem-me apenas falar para vocês sobre aquilo que eu sei”.

Enquanto nós ríamos, ela limpou sua garganta e começou:
“Nós não paramos de jogar porque ficamos velhos;
nós nos tornamos velhos porque paramos de jogar.
Existem somente quatro segredos para continuarmos jovens, felizes e conseguir o sucesso.
Primeiro, você precisa rir e encontrar humor em cada dia.
Segundo, você precisa ter um sonho. Quando você perde seus sonhos, você morre.
Nós temos tantas pessoas caminhando por aí que estão mortas e nem desconfiam!
Terceiro, há uma enorme diferença entre envelhecer e crescer...
Se você tem dezenove anos de idade e ficar deitado na cama por um ano inteiro,
sem fazer nada de produtivo, você ficará com vinte anos.
Se eu tenho oitenta e sete anos e ficar na cama por um ano e não fizer coisa alguma,
eu ficarei com oitenta e oito anos.
Qualquer um, mais cedo ou mais tarde ficará mais velho.
Isso não exige talento nem habilidade, é uma conseqüência natural da vida.
A idéia é crescer através das oportunidades.
E por último, não tenha remorsos.
Os velhos geralmente não se arrependem por aquilo que fizeram,
mas sim por aquelas coisas que deixaram de fazer.
As únicas pessoas que tem medo da morte são aquelas que tem remorsos”.


Ela concluiu seu discurso cantando corajosamente “A Rosa”.
Ela desafiou a cada um de nós a estudar poesia e vivê-la em nossa vida diária.
No fim do ano Rosa terminou o último ano da faculdade que começara há tantos anos.

Uma semana depois da formatura,
Rosa morreu tranqüilamente em seu sono.
Mais de dois mil alunos da faculdade foram ao seu funeral,
em tributo à maravilhosa mulher que ensinou, através de seu exemplo,
que nunca é tarde demais para ser tudo aquilo que você pode provavelmente ser,
se realmente desejar.

Lembre-se: Envelhecer é inevitável, mas crescer é opcional!
Autoria Desconhecida

LINDO! VALEU AMIGA!!




Hei, Socorro!
Eu também quero participar dessa alegria!
Que é isso?
Esqueceu de mim foi?? rsrsr
Amiga, quero parabenizá-la por este prêmio, com certeza justo e merecido!
E aproveitar o encejo para agradecer a Deus por sua vida,
por sua alegria e especialmente por nossa amizade,
que já suportou muitos choques, adversidades e há muito suporta a distância.
Parabéns minha querida AMIGA!
Que Deus continue lhe abençoando!
Estou muito feliz por você!!!
Te amo muito!!
Beijos e muitos abraços…


Rosângela (Jane)











Jane

Querida AMIGA!
Jamais esqueceria de você.
Nossa Amizade será ETERNA!
Não preciso dizer o quanto TE AMO!
Pois sei que você sabe muito bem disso.
Obrigada pelo carinho e pelo incentivo.
Você MORA em meu coração!!

Beijos!!


Socorro Carvalho



* Este é um comentário postado no texto Agradecimento. Escrito quando recebi o Trofeu de Segundo Lugar no Festival de Poesia de Santarém, onde agradeci as pessoas que eu gosto e que incentivam minha arte.
Porém, pelo corre corre entre um texto do jornal e a postagem do blog, não coloquei o nome da minha grande Amiga Rosângela.
E ela foi lá e me deixou o comentário (lá em cima), reclamando pela minha falta.
Foi falta mesmo. Rosângela é uma Amiga linda, que fiou ao meu lado no momento mais triste da minha vida. Quando perdi meu pai.Tanto para mim como para toda minha familia ela e a família dela serão sempre insequecíveis para nós.

Postagens em destaque

Em entrevista, o Poeta e Compositor santareno Renisson Luis Vasconcelos fala de sua arte e do amor que tem por Nossa Senhora da Conceição

Estamos na semana que antecede o Círio 2017 de Nossa Senhora da Conceição, Padroeira de Santarém.  Uma semana intensa de preparativos ...