SONETO VINHO TANTO

O cavalheiro tão distinto
estendeu seu lindo manto,
à moça foi sucinto
que lhe causou espanto!


Qual presa em labirinto
ela ensaiou seu pranto
e como por instinto
se encostou num canto...


Mas veio o vinho tinto
que a moça bebeu tanto:
parou no copo quinto!


E veio o acalanto,
e o escuro do recinto
fez-se um silêncio santo...



Jota Ninos

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Frases picantes que homens gostam de ouvir na hora do sexo

UMA CARTA PARA MEU FILHO AMADO..

ENFIM... MEUS 18 ANOS DE IDADE!!!