terça-feira, dezembro 14, 2010

VERSOS


No silêncio mórbido da madrugada
A saudade vem habitar o coração.


Em meio as lembranças está seu cheiro
Na poética a rima de agasalha.


A insônia é tormento que se agiganta.
Nos braços da nostalgia, o sono vai embora.


As horas passam sem pressa...
Apenas as recordações são velozes, constantes.


O dia amanhece, o sol vem esquentar o tempo
Enquanto dentro do peito o amor continua pulsando o frio da saudade do amor...

Amor latente, ardente
Que deixa contente.
Deixa contente os versos da poesia...



Socorro Carvalho

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço sua visita, com breve retorno!! Seu comentário vem somar mais versos em minhas inspirações... grande abraço. Se quiser pode escrever diretamente para o meu email: socorrosantarem@gmail.com

Postagens em destaque

DANIELLE LIMA!! PARA VOCÊ, UMA CARTA DO MEU CORAÇÃO... FELIZ ANIVERSÁRIO!!!

Querida filha, Danielle Katrine Hoje, pensei em te fazer um poema!! Rimar versos para te falar do meu amor... Mas como poetizar,...