sábado, janeiro 08, 2011

NA BOCA

Na boca o frescor da menta

Refresca teus mistérios

Entre lambidas insanas

Alimento-me de pecado

Faço-me perdição

Arrepiando o desejo

Guardados em tua razão...

A língua

Sem vergonha

Passeia feliz

Despindo pudores

Arrancando uivos e sussurros

Traduzidos em gritos confusos

Escondidos no silêncio

Quase preciso...

Na boca sedenta

A ânsia, a vontade

Sede de beber...

Beber a “água” de tua fonte.

Na boca úmida, saliente

Descansa o segredo

E a vontade louca de ter-te inteiro.

Em minha boca (ainda)

Está o hálito com sabor de menta

Misturado com teu cheiro de amor...



Socorro Carvalho

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço sua visita, com breve retorno!! Seu comentário vem somar mais versos em minhas inspirações... grande abraço. Se quiser pode escrever diretamente para o meu email: socorrosantarem@gmail.com

Postagens em destaque

DANIELLE LIMA!! PARA VOCÊ, UMA CARTA DO MEU CORAÇÃO... FELIZ ANIVERSÁRIO!!!

Querida filha, Danielle Katrine Hoje, pensei em te fazer um poema!! Rimar versos para te falar do meu amor... Mas como poetizar,...