segunda-feira, setembro 19, 2011

XENOFOBIA E TROPOFOBIA SÃO TEMAS EM DISCUSSÃO NA DIVISÃO DO PARÁ


Os que querem a divisão do Estado do Pará estão sendo chamados de xenófobos¹ nas redes sociais e alguns discursos de parlamentares despreparados para o debate sobre a criação dos novos Estados. Creio que, se for para adjetivar uns aos outros, os que querem a divisão deverão passar a chamar os que são contra de tropofóbicos².
A estes vai uma pergunta: nove dos vinte e sete governadores não nasceram nos Estados brasileiros que atualmente governam. Seriam eles também considerados “forasteiros”? Em 1952 Lula saiu de Pernambuco para São Paulo, mudou a história do Estado e do Brasil. Lula também poderia ser considerado um “forasteiro”?
Ora, deixem de baboseiras e vamos discutir a realidade, os que defendem o Não precisam de discurso, de deixar de atacar quem aqui chegou para trabalhar, de levar às massas os reais motivos de não dividirem um Estado enorme e ingovernável como o atual Pará. Aos que defendem o SIM caberá a missão de dizer porque querem a separação, apresentando motivos, mostrando a viabilidade na busca pelos votos. Deixemos de fobias e vamos ao debate, sem ataques, sem clichês.
¹ – Xenofobia - é o medo irracional, aversão ou a profunda antipatia em relação aos estrangeiros.
² – Tropofobia - medo de mudar ou fazer mudanças.

Zé DuDU



Fotos do Sairé no slide: PMS

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço sua visita, com breve retorno!! Seu comentário vem somar mais versos em minhas inspirações... grande abraço. Se quiser pode escrever diretamente para o meu email: socorrosantarem@gmail.com

Postagens em destaque

Chuva que rega saudade...

O dia amanheceu chovendo. Passou nublado. A tarde chegou com um tímido  sol .  Ao meu redor,  vejo rastros de saudade a penetrar me...