quinta-feira, dezembro 27, 2012

SONETO ANTIGO


Responder a perguntas não respondo.
 Perguntas impossíveis não pergunto.
 Só do que sei de mim aos outros conto:
 de mim, atravessada pelo mundo.

Toda a minha experiência, o meu estudo,
 sou eu mesma que, em solidão paciente,
 recolho do que em mim observo e escuto
 muda lição, que ninguém mais entende.

O que sou vale mais do que o meu canto.
 Apenas em linguagem vou dizendo
 caminhos invisíveis por onde ando.

Tudo é secreto e de remoto exemplo.
 Todos ouvimos, longe, o apelo do Anjo.
 E todos somos pura flor de vento.


Cecília Meireles

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço sua visita, com breve retorno!! Seu comentário vem somar mais versos em minhas inspirações... grande abraço. Se quiser pode escrever diretamente para o meu email: socorrosantarem@gmail.com

Postagens em destaque

DANIELLE LIMA!! PARA VOCÊ, UMA CARTA DO MEU CORAÇÃO... FELIZ ANIVERSÁRIO!!!

Querida filha, Danielle Katrine Hoje, pensei em te fazer um poema!! Rimar versos para te falar do meu amor... Mas como poetizar,...