sexta-feira, março 16, 2012

PERMANÊNCIA DO ABARÉ EM SANTARÉM


A respeito do resultado da Audiência sobre a permanência do Navio Abaré na Região do Tapajós, a Assessoria de Comunicação da Secretaria Municipal de Saúde de Sanatém, informa que:

 Em audiência com a juíza Betânia de Figueiredo Pessoa Batista, da 8ª Vara Cível, na manhã desta sexta-feira (16 de março), a Prefeitura Municipal de Santarém e a ONG Therre des Hommes, chegaram a um acordo quanto, a permanência do Navio Abaré, na Região do Tapajós.

Na audiência estiverem presentes o Secretário Municipal de Saúde, Emmanuel Silva, os Procuradores do Município Isaac Lisboa e Cinthia Soares, e a representante da ONG Therre des Hommens, Cristianne Haraki.

 Ficou decidido que:

 - O Navio Abaré continuará funcionando como Unidade de Saúde Fluvial por mais um período de seis meses a contar do dia 25 de março de 2012, mantendo os atendimentos de saúde, nas Comunidades da região do Tapajós, como vinha sendo realizado, até o momento.

- Ainda na próxima semana a Prefeitura Municipal de Santarém, através da Secretaria Municipal de Saúde assinará o convênio com a Therre des Hommes, para a execução das ações de Saúde no Návio Abaré I, que voltará a funcionar como Unidade de Saúde Fluvial I, através do convênio.

 - Ficou agendado uma reunião no dia 05 abril, com o Presidente do Therre des Hommes, para discutirem a possibilidade da prorrogação da permanência da embarcação na região.




Fonte: PMS

O AMOR - POR ADÉLIA PRADO





Adélia Luzia Prado Freitas nasceu em Divinópolis, Minas Gerais, no dia 13 de dezembro de 1935, filha do ferroviário João do Prado Filho e de Ana Clotilde Corrêa.








Adélia Luzia Prado Freitas nasceu em Divinópolis, Minas Gerais, no dia 13 de dezembro de 1935, filha do ferroviário João do Prado Filho e de Ana Clotilde Corrêa.

PALAVRAS E CARINHO!!


Ufa!!! Até respirei fundo depois de ler esse texto magnífico!!! Essa é a Help que conheço!! srsr Sabes colocar nas entrelinhas tudo aquilo que sente. Pudera todas as pessoas serem assim, pelo menos não ficariam se remoendo por dentro. É tão lindo se expressar de forma transparente! É tão linda a escrita em prosa... em versos... com rimas... sem rimas... Sou tua fã, numero 1!!
Rô Almada



Simplesmente lindo!!!!! Amei seu blog!!! Entrei, visitei,vasculhei,e fiquei lendo tudo com prazer...muito bom..voltarei sempre...adorei!!!obrigada por visitar meu blog..um abraço.

 Edhi Pires  




Rô e Edhi são leitoras e seguidoras do meu blog.
Meu cantinho maravilhoso, espaço onde partilho carinho com todas as pessoas que gostam de divagar, de vez em quando, e também que  gostam  de uma boa leitura, tudo ao seu tempo. Depende do momento.  Em Minhas Inspirações coloco meus escritos e devaneios, falo de amor etc...

ELOGIO É BOM E FAZ BEM



Se você costuma elogiar as atitudes positivas de seus filhos, parabéns! Você está no caminho certo. É isso mesmo! As crianças aprendem muito mais através de elogios



Um grupo de pesquisadores, por exemplo, colocou dois grupos de crianças para executar uma tarefa de complexidade média, onde todos conseguiriam fazer. Durante a atividade, um grupo foi elogiado pela sua inteligência e outro pelo esforço, ou seja, pela capacidade de tentar e pela persistência. Novamente foi proposta outra atividade, de complexidade semelhante à primeira, e as crianças do grupo que foi elogiado pela Inteligência não quiseram fazer a nova atividade, ou seja, não quiseram correr o risco de falhar e não serem mais elogiadas pelos adultos. Já o grupo das crianças que foram reforçadas por sua tentativa e persistência; todas quiseram fazer a nova atividade, afinal, ganhariam o elogio dos adultos se conseguissemou não realizar a tarefa. Seriam elogiadas pela tentativa.



Então, os elogios devem ser em relação às atitudes e comportamentos da criança, como: “Parabéns, meu filho! Você tentou, tentou e conseguiu!”, “Nossa, como você é organizado! Seus brinquedos estão todos guardados!”, “Como você é gentil ajudando o seu irmãozinho!”. Esse tipo de elogio, além de reforçar o comportamento adequado da criança, mostra o que os pais esperam dela. Quando a criança entende o que é esperado dela, a chance de executar determinados comportamentos aumenta. Muitos pais, infelizmente, focam a sua educação em dizer o que a criança não deve fazer, mas esquecem de falar o que é para ser feito e de elogiar quando eles acertam.  Se os pais focarem a sua atenção aos comportamentos inadequados dos filhos, apenas falando sobre o que eles estavam fazendo de errado, atendência é que os filhos continuem com os comportamentos inadequados, a fim de ter atenção dos genitores. Lembre-se que atenção negativa ou positiva, continua sendo atenção da mesma maneira.



Dessa forma, é melhor os pais concentrarem sua atenção naquilo que querem de melhor para os filhos. Quanto mais a educação for baseada no aspecto positivo, mais resultados surgirão. A criança é muito suscetível ao elogio, pois através dele, sente-se adequada e mais amada pelos pais. Tudo que as crianças querem (e nós adultos também) é sentir que são amadas e aceitas.

Portanto, quando forem educar os filhos, corrijam as atitudes e não a criança. Não diga que seu filho é errado, porque na verdade, a atitude é que é inadequada. Opte por explicar o que deve ser feito e o porquê deve ser feito daquela maneira e elogie a criança, inclusive, pela tentativa de mudança.Elogie mais ainda quando ela alcançar o resultado esperado. Elogio é bom e faz bem



Jéssica Fogaça*  é psicóloga Comportamental, Especializada em Clínica Analítico-Comportamental Infantil pelo Núcleo Paradigma deAnálise do Comportamento.


Postagens em destaque

Em entrevista, o Poeta e Compositor santareno Renisson Luis Vasconcelos fala de sua arte e do amor que tem por Nossa Senhora da Conceição

Estamos na semana que antecede o Círio 2017 de Nossa Senhora da Conceição, Padroeira de Santarém.  Uma semana intensa de preparativos ...