ENCONTRO NAS ONDAS DO RADIO - EM BELÉM


No período de 19 a 21 de abril ocorreu em Belém participando do Encontro Nas Ondas do Rádio – a prevenção da violência contra criança e adolescente. O Projeto Rádio pela Educação esteve participando do evento e foi o  único repreesntante de Santarém .


O encontro reuniu radialistas dos Estados da Amazônia Legal com o objetivo de sensibilizar e agregar novos atores sociais às redes de atenção integral às crianças, adolescentes e suas famílias em situações de violências valorizando o potencial da linguagem radiofônica na difusão das ações de prevenção da violência e promoção da cultura de paz. Para tal, foram realizadas oficinas de sensibilização para 60 profissionais de rádios comunitárias, educativas/escolares, comercias e publicas. 
 

 A oficina faz parte do plano de ações de prevenção da violência e promoção da cultura de paz promovido pelo Ministério da Saúde, por meio da Área Técnica de Saúde da Criança e Aleitamento Materno-ATSCAM/DAPES/SAS. 

Nessa primeira etapa do projeto Nas Ondas do rádio a prevenção da violência contra crianças e adolescentes o encontro reuniu radialistas dos estados do Nordeste, Amazônia Legal e das cidades do Rio de Janeiro, Florianópolis e Campo Grande.
 
De acordo com Gilvani Pereira Grangeiro – Coordenadora do Projeto nas Ondas do Rádio - o rádio foi escolhido para o trabalho por ser considerado o meio de comunicação de massa mais acessível e por está presente na vida cotidiana de praticamente todos os lares brasileiros. 

Outra característica do rádio, dentro do projeto, é que devido a popularidade o rádio privilegia o fazer de outras atividades enquanto se escuta os programas radiofônicos, mantendo dessa forma acentuadas as emoções, reflexões e criatividade dos ouvintes. 



 O três dias de encontro na capital paraense foram divididos em dois momentos um teórico e outro prático. No primeiro os radialistas assistiram palestras e debateram sobre experiências e temáticas voltadas para a prevenção da violência contra criança e adolescente. No segundo momento, divididos em grupos, os profissionais produziram diversos materiais radiofônicos que serão usados pelo Ministério da Saúde nas próximas campanhas. 


Em Santarém o uso do rádio como um agente propagador na prevenção da violência contra criança e adolescente já é uma realidade onde a Diocese, há 13 anos, já realiza esse trabalho por meio do Projeto Rádio pela Educação – Programa Para Ouvir e Aprender veiculado pela Rádio Rural de Santarém, todas as segundas, quartas e sextas-feiras. 


 No Rádio pela Educação cada um e cada uma criança e adolescente é o protagonista de sua própria realidade , além disso, ouve e aprende a noções de cidadania tornando-se com isso,  uma pessoa consciente sobre seus direitos e deveres. Por meio do programa criança e adolescente tem voz e tem vez, nas ondas do rádio.



 Socorro Carvalho com Informações do Ministério da Saúde

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Frases picantes que homens gostam de ouvir na hora do sexo

UMA CARTA PARA MEU FILHO AMADO..

ENFIM... MEUS 18 ANOS DE IDADE!!!