terça-feira, dezembro 10, 2013

IMBAUBEIRA QUERIDA

Se te agonia uma dor
desacreditas de tudo;
se teu choro é de sofrer,
e o pranto te faz mudo.

Se o futuro é impossível,
tua fé em nada crê,
se teu jardim já murchou,
secou de ver-te sofrer

Olha pra planta-vida!
Parece incrível, mas medra!
E mesmo na dura pedra,

da semente em letargia,
nasce com viço e magia
Imbaubeira querida!


Roberto Lima

2 comentários:

  1. Diferente!
    mas é uma vida, não é mesmo?
    bjs e obrigada pelo carinho

    Ritinha

    ResponderExcluir
  2. Belo poema...e um sinal para enfrentarmos a adversidade e vencermos na vida!

    ResponderExcluir

Agradeço sua visita, com breve retorno!! Seu comentário vem somar mais versos em minhas inspirações... grande abraço. Se quiser pode escrever diretamente para o meu email: socorrosantarem@gmail.com

Postagens em destaque

Chuva que rega saudade...

O dia amanheceu chovendo. Passou nublado. A tarde chegou com um tímido  sol .  Ao meu redor,  vejo rastros de saudade a penetrar me...