quinta-feira, junho 20, 2013

EU TE AMO


Começamos um amor de uma forma muito diferente. Éramos apenas amigos, o amor era gaiato, só de brincadeira, era uma coisa muito gostosa estarmos juntos. Parecia que não tínhamos compromisso. Havia carinho, companheirismo, solidariedade e fidelidade. Tudo era partilhado com sinceridade.

Ela me amava demais. Eu pensava que a amava de menos. Não é uma justificativa, mas eu já tinha casado sem amor e não deu certo. Depois casei por amor e também não deu, então pensava em não me envolver. Tinha medo de amar e era tão bom ser amado...

No entanto rindo e brincando fomos ficando juntos e assim ficamos por quase seis anos. Só não ficamos mais porque o destino interferiu nesta relação. Hoje eu descobri que seria ótimo ter vivido a vida inteira ao lado dela. Ficou um gosto de quero mais. Eu sofri muito (os outros nem perceberam, muitos nem acreditaram, mas eu ainda sofro e tenho saudades).

Eu penso que ela podia ter sido mais sincera... Talvez para viver uma fantasia ela tornou pública nossas fantasias. Eu fiquei com cara de palhaço e ela acabou se tornando a santa. Mas não ligo. Não me importo com o que pensam os infelizes, que invejavam a nossa felicidade.

Eu ainda sou feliz, só pensando nela e nos bons momentos vividos, mas também porque eu decidi que nada me tornará infelize, ninguém irá interferir no que eu decidi, e eu decidi que não dependo de ninguém para ser feliz. Esta é uma decisão minha sobre o que eu quero pra mim.

Eu sobrevivi, poderia ter sido ela, também sobreviveram as mentiras, mas isto não me importa. Tenho saudades dela e decidi que mesmo sem poder tocar seu corpo estamos juntos porque ela sobreviveu dentro de mim, mesmo que na intimidade do nosso quarto eu não possa mais dizer-te “Eu te amo” sobrevivemos a tudo e a todos.

Mário Feijó

20.06.13

I Encontro dos Povos Indígenas na Fronteira vai debater a Convenção 169 da OIT


O Conselho Indígena de Roraima (CIR) promove nos próximos dias 25 a 27 de junho o I Encontro dos Povos Indígenas na Fronteira com o tema “Um olhar sobre a Convenção 169 da OIT”. O evento será realizado em um dos locais históricos dos povos indígenas de Roraima, no Lago Caracaranã, atualmente Centro Regional localizado na Terra Indígena Raposa Serra do Sol, município de Normandia.

O objetivo do evento é discutir, identificar e mapear os problemas das comunidades indígenas localizadas na fronteira de Roraima, Guiana e Venezuela, abordando os aspectos sociais, econômicos, culturais e ambientais dos povos indígenas. As lideranças buscam soluções para as suas preocupações de acordo com o tema central do evento.

O Coordenador do CIR, Mário Nicácio reforça a idéia de que povos indígenas não têm fronteiras, pois vivem em tríplice fronteira, Brasil, Guiana e Venezuela, e com a realização do evento a Organização só fortalece a atribuição de defender os direitos dos povos indígenas, tanto no âmbito nacional quanto internacional, buscando sempre respeitar e valorizar a diversidade cultural dos povos.   

ELENY B. CAVALCANTE APRESENTA PROJETO DE PESQUISA NO DINTER

Professora Mesc. Eleney  Brandão Calvacante

A Professora Mesc.   Eleny  Brandão Cavalcante é uma das professoras da Universidade Federal do Oeste do Pará, que compõem o grupo de 18 doutorandos  do  DINTER – Doutorando Interinstitucional

O DINTER é oriundo  do convênio  firmado entre a Universidade Estadual  de Campinas ( Unicamp) e Universidade Federal do Oeste do Pará – UFOPA.

Hoje, pela manhã, das 8h ás 8h:45, na sala H 201, no Campus Rondon da UFOPA, professora Eleny   B. Cavalcante fez a apresentação do projeto que tem como tema :  “ As práticas e interações  linguísticas entre alunos surdos  e o outro da escola regular”, na linha de pesquisa  de Ensino e Práticas Culturais.

Os trabalhos dos doutorandos  faz parte das atividades do  1°  Seminário de Teses  “Políticas, Práticas Docentes, História e Filosofia da Educação” que está ocorrendo desde  a noite de ontem, no Auditório Wilson Fonseca da UFOPA,

O Seminário que é aberto ao público tem  como objetivo socializar os projetos de pesquisas desenvolvidos no doutorado interinstitucional (DINTER).

O evento busca, ainda, propiciar a socialização das pesquisas em desenvolvimento, oportunizando a avaliação crítica pelos orientadores e demais professores participantes do DINTER, além de promover a integração com estudantes da graduação e outros profissionais da educação. Contribuindo assim, com a troca de experiências e discussões sobre as questões da educação em nosso país.

A apresentação dos trabalhos produzidos pelos doutorandos segue até amanhã (21), quando ocorrerão   mais duas mesas-redondas no Auditório Wilson Fonseca: “Políticas e Gestão Educacional”, às 15 horas, com os professores doutores da Unicamp Newton Antonio Paciulli Bryan, Silvio Ancisar Sanchez Gamboa e Mara Regina Martins Jacomeli; e “Filosofia e História da Educação”, às 18 horas, com os professores doutores Anselmo Alencar Colares (UFOPA), José Claudinei Lombardi (Unicamp) e José Luis Sanfelice (mediador).

O Doutorando Interinstitucional entre UNICAMP e UFOPA representa uma importante aliança, sendo um marco na pós-graduação na região Oeste do Pará, na medida em que a instituição promotora tem por tradição a formação educacional e uma das mais importantes Universidades da América Latina e tem o maior programa de pós-graduação do Brasil.

O DINTER esta sendo ofertado para 18 professores da UFOPA e 02 do IFPA, que atuam em diferentes áreas do campo educacional: Física; Matemática; Letras; Literatura; inclusão; História; Filosofia e Educação Ambiental. A formação de doutores fortalecerá as atividades de pesquisas congregando financiamentos e ampliando o desenvolvimento de novas atividades, estudos e investigações, corroborando com a melhoria da educação na região Oeste do Pará.


CONFIRA PROGRAMAÇÃO:

20/06  -  noite 18h30min. (Auditório Wilson Fonseca – UFOPA)
Mesa Redonda “Práticas Docentes e Formação de Professores”
Palestrante Prof. Dr. Dario Fiorentini
Palestrante Profa. Dra. Solange Helena Ximenes Rocha
Mediador Prof. Dr. Luiz Percival Leme Britto

21/06  -  tarde 15h as 17h (Auditório Wilson Fonseca - UFOPA)
Mesa Redonda “Políticas e Gestão Educacional”
Palestrante Prof. Dr. Newton Antonio Paciulli Bryan
Palestrante Prof. Dr. Silvio Ancisar Sanchez Gamboa
Mediadora Profa. Dra. Mara Regina Martins Jacomeli

21/06  -  noite 18h as 20h (Auditório Wilson Fonseca - UFOPA)
Mesa Redonda “Filosofia e História da Educação”
Palestrante Prof. Dr. Anselmo Alencar Colares
Palestrante Prof. Dr. José Claudinei Lombardi
Mediador Prof. Dr. José Luis Sanfelice

21/06  -  noite 20h (rol – Campus Rondon)
Programação Cultural


Doutorandos

Linhas de pesquisa:

Políticas, Administração e Sistemas Educacionais
Antonia do Socorro Pena da Gama
Carlos José de Melo Moreira
Eliane Cristina Flexa Duarte
Lidia Alves de Oliveira
Maria Mirtes Cortinhas dos Santos
Raimundo Sátiro dos Santos Ramos

Filosofia e História da Educação
Aguinaldo Rodrigues Gomes
Dércio Pena Duarte
Edna Marzzitelli Pereira
Gilberto Cesar Lopes Rodrigues
Nelcilene da Silva Palhano Cavalcante
Odenildo Queiroz de Sousa

Ensino e Práticas Culturais
Ademir de Souza Pereira
Eleny Brandão Cavalcante
Margarida do Espirito Santo C.Gordo
Maria Aldenira Reis Scalabrin
Nilzilene Ferreira Gomes
Rodrigo Medeiros dos Santos
Terezinha de Jesus Dias pacheco
Zair Henrique Santos


Socorro Carvalho com  informações da Ufopa

Postagens em destaque

Maria Maria

Maria, Da lua Herdastes brilho e serenidade. Do sol Juntastes calor e esperança. Doce Maria! De encanto, de amor. Suave como a b...