terça-feira, janeiro 28, 2014

GUARDEI-ME PARA TI

Guardei-me para ti como um segredo
Que eu mesma não desvendei:
Há notas nesta guitarra que não toquei,
Há praias na minha ilha que nem andei.

É preciso que me tomes, além do riso e do olhar,
Naquilo que não conheço e adivinhei;
É preciso que me ensines a canção do que serei
E me cries com teu gesto
Que nem sonhei.

Lya Luft


3 comentários:

  1. Que linda e sentida poesia... Um toque de amor ao meu dia!
    linda!linda!linda!
    Su

    ResponderExcluir
  2. Poesia bela no seu sentido mais poético!!!

    ResponderExcluir
  3. Inspirador e maravilhoso. Pura sedução

    Deixo votos de felicidades
    ****************************
    http://pensamentosedevaneiosdoaguialivre.blogspot.pt/

    ResponderExcluir

Agradeço sua visita, com breve retorno!! Seu comentário vem somar mais versos em minhas inspirações... grande abraço. Se quiser pode escrever diretamente para o meu email: socorrosantarem@gmail.com

Postagens em destaque

Chuva que rega saudade...

O dia amanheceu chovendo. Passou nublado. A tarde chegou com um tímido  sol .  Ao meu redor,  vejo rastros de saudade a penetrar me...