quarta-feira, julho 16, 2014

NO ARREBOL DO SEU PRAZER, MEU DESCANSO


 Felino sem tréguas  deságua o desejo
A calmaria do teu corpo é meu sossego
Sonetos murmurados, versos em segredo.
Agasalho-me em seu peito...
Nítidas batidas do meu coração,
Transborda alegria e contentamento.
Sua boca gostosa  eu degusto...
Na mais voraz inconsequência poética.
O encontro, nós dois,  o  desejo.
Junção perfeita do gozo, do êxtase...
No fulgor de nossos corpos nus.
No arrebol do seu prazer
Eu descanso inteira,  sobre você.


Socorro Carvalho


Um comentário:

Agradeço sua visita, com breve retorno!! Seu comentário vem somar mais versos em minhas inspirações... grande abraço. Se quiser pode escrever diretamente para o meu email: socorrosantarem@gmail.com

Postagens em destaque

DANIELLE LIMA!! PARA VOCÊ, UMA CARTA DO MEU CORAÇÃO... FELIZ ANIVERSÁRIO!!!

Querida filha, Danielle Katrine Hoje, pensei em te fazer um poema!! Rimar versos para te falar do meu amor... Mas como poetizar,...