sábado, julho 12, 2014

VINHO PROIBIDO VI


Em tua bebida proibida
Quero embebedar minha nostalgia.
Beber teu vinho.
Ser tua loucura, ser tua agonia.
Extasiar-me em teu gozo.
É fantasia, louca sensação.
Corpos e desejo em completa acasalação.
Inebriante bebo em tua taça...
O vinho forte da tua gostosa emoção.
Tua pele tem calor, tem magia as tuas mãos.
Teu corpo é vinho proibido
Bebida ardente que embriaga alma e coração...
Malícia que arrebata,
Gozo que se derrama em minha taça.


Socorro Carvalho

Um comentário:

Agradeço sua visita, com breve retorno!! Seu comentário vem somar mais versos em minhas inspirações... grande abraço. Se quiser pode escrever diretamente para o meu email: socorrosantarem@gmail.com

Postagens em destaque

DANIELLE LIMA!! PARA VOCÊ, UMA CARTA DO MEU CORAÇÃO... FELIZ ANIVERSÁRIO!!!

Querida filha, Danielle Katrine Hoje, pensei em te fazer um poema!! Rimar versos para te falar do meu amor... Mas como poetizar,...