terça-feira, agosto 26, 2014

SUA BOCA...

Na sua boca voraz
Derrama-se a fonte como seiva bruta.
Na carícia louca, sua língua despe meus poros.
O suor tempera o sabor do pecado.
Doido desejo se levanta...
Corpos se roçam, se acham se encaixam.
Na efervescente magia de dois corpos em chamas.
O êxtase explode...
Na loucura nua
Sua boca se degusta com mais um cálice de mel.

Socorro Carvalho

Um comentário:

  1. Eu adoro a boca dele e gostei de saborear belas palavras! Bj

    ResponderExcluir

Agradeço sua visita, com breve retorno!! Seu comentário vem somar mais versos em minhas inspirações... grande abraço. Se quiser pode escrever diretamente para o meu email: socorrosantarem@gmail.com

Postagens em destaque

Chuva que rega saudade...

O dia amanheceu chovendo. Passou nublado. A tarde chegou com um tímido  sol .  Ao meu redor,  vejo rastros de saudade a penetrar me...