terça-feira, janeiro 08, 2008

PENSE NISSO!

DIRETO DO MEU CORAÇÃO



Cultive sempre em seu coração a bondade e o amor!
Essa é a melhor riqueza que o ser humano pode preservar neste Mundo de tantas ambições e maldades.
Ame. Ame sempre com toda pureza que o amor tem em sua essência...
Independente de qualquer coisa...AME.
Sorria.
O sorriso ilumina a alma e só atrae coisas boas...
Portanto, deixe sempre um sorriso em seu rosto.
De repente, o seu sorriso pode ser a luz que ilumina o coração de alguém ao seu redor...
A vida é muito breve
para que fiquemos nos amargurando diante dos problemas da vida.
Imagine-se feliz
e a Felicidade virá bater a sua porta, quando você menos esperar.
Acredite!
Eu sou assim, Amo com toda intensidade do meu coração...
Faço desse grande amor a minha eterna inspiração... todos os dias.
E sou muito feliz escrevendo em cada alvorecer uma nova poesia!
Além de tudo isso, tenho grandes e Verdadeiras amizades em minha vida!
Sem falar da minha família que é preciosa para mim.
Obrigada meu pai querido por ter me ensinado o valor das virtudes e dos bons sentimentos!
Obrigada mãe por dobrar o joelho para rezar por mim!
Obrigada Deus pois sem TI nada disso seria possível.
Joelma, Rosa, Daleuson, Ormano, Pe. Edilberto, Júnior, Cesar...

AMO VOCÊS DE TODO MEU CORAÇÃO!!
Beijos
Socorro Carvalho


"A verdadeira riqueza do homem é o bem que ele faz aos seus semelhantes."


Mahatma Gandhi



EU TÔ MUITOOOOO FELIZZZZZZZ!!!



MEU FILHO!
Hoje estou muito feliz...muito feliz mesmo!
Sinto vontade de gritar, esbravejar e dizer pra todo o Universo como sou abençoada!
Dizer que sou uma PESSOA FELIZ!
Também, agradecer a Deus por Ele ser tão maravilhoso comigo!
Hoje, queria fazer um verso, bem lindo e, nele citar todas as pessoas que amo...
Dizer a cada um e cada uma delas o quanto sou grata pela amizade, pelo carinho, pelas palavras e pelo companheirismo que recebo deles e delas em minha vida.
Pra não ser injusta com nenhuma dessas pessoas coloquei pra representar minha gratidão, você Pedro Luiz, meu filho lindo, que é a minha grande inspiração de vida.
Minha sustentação e meu porto seguro nas horas de turbulência!
Em seu nome, expresso, neste instante, todo contentamento do meu coração!
Obrigada Deus pelo Dom da vida e por todas as graças que tens me concedido!
Obrigada minha Mãe, Padroeira e Protetora Nossa Senhora da Conceição por sempre me proteger e cuidar de mim!!
Gente!Eu ESTOU MUITO...MUITO...MUITO FELIZZZZZZZZZZZZZ!!
Te amo, meu filho lindo!
Você é o presente mais lindo e precioso que Deus me deu...
a minha mais linda poesia de amor.
A vocês minhas duas Amigas lindas ...



Meu Muito Obrigada por tudo!!

Um grande beijo!!


SALMO 27
Este Salmo sempre recorro quando me sinto atribulada.
É nele que sempre encontro força, amparo e afago nas horas de dificuldades...
Quando Deus me acolhe,protege e me livra de todos os males do mundo.
Por isso, venho com ele agradeçer a Deus, neste momento de tanta alegria em meu coração!
Alegria esta que partilho com você, também...

1 O Senhor é a minha luz e a minha salvação;
a quem temerei? O Senhor é a força da minha vida; de quem me recearei?

2 Quando os malvados investiram contra mim,
para comerem as minhas carnes, eles, meus adversários e meus inimigos,
tropeçaram e caíram.

3 Ainda que um exército se acampe contra mim,
o meu coração não temerá; ainda que a guerra se levante contra mim,
conservarei a minha confiança.

4 Uma coisa pedi ao Senhor,
e a buscarei: que possa morar na casa doSenhor todos os dias da minha vida,
para contemplar a formosura doSenhor,
e inquirir no seu templo.

5 Pois no dia da adversidade me esconderá no seu pavilhão;
no recôndito do seu tabernáculo me esconderá; sobre uma rocha me elevará.

6 E agora será exaltada a minha cabeça acima dos meus inimigos que
estão ao redor de mim; e no seu tabernáculo oferecerei sacrifícios de júbilo;
cantarei, sim, cantarei louvores ao Senhor.

7 Ouve, ó Senhor, a minha voz quando clamo;
compadece-te de mim e responde-me.

8 Quando disseste: Buscai o meu rosto; o meu coração te disse a ti:
O teu rosto, Senhor, buscarei.

9 Não escondas de mim o teu rosto, não rejeites com ira o teu servo,
tu que tens sido a minha ajuda.
Não me enjeites nem me desampares,
ó Deus da minha salvação.

10 Se meu pai e minha mãe me abandonarem,
então o Senhor me acolherá.

11 Ensina-me, ó Senhor, o teu caminho,
e guia-me por uma vereda plana, por causa dos que me espreitam.

12 Não me entregues à vontade dos meus adversários;
pois contra mim se levantaram falsas testemunhas
e os que repiram violência.

13 Creio que hei de ver a bondade do Senhor na terra dos viventes.

14 Espera tu pelo Senhor;
anima-te, e fortalece o teu coração;
espera, pois, pelo Senhor.

Obrigada meu Deus!

Amém.

Socorro Carvalho
(Respirando uma gostosa FELICIDADE!!)

HOJE O PASSARINHO NÃO VEIO...



Escorada na janela de seu quarto,
a pequena Wal lutava para não chorar.
Olhava para o fio de luz no poste a sua frente
como quem olha para algo muito triste.

Perdia-se em um longo suspiro,
quando um simpático velhinho parou na calçada para examiná-la.

Foi dizendo o velho homem:
'Por que tanta melancolia, menina bonita?'.

A garotinha fez esforço para erguer o rosto.
Voz partida, disse:
'Ele não veio hoje...'.

O outro quis saber com precisão:
'Quem não veio hoje?'.

A resposta da mocinha:
'O passarinho... O meu passarinho da sorte...
Ele não veio hoje...'

O ancião quis entender mais e mais: 'Fale-me desse passarinho, minha querida...
Fale-me...'.

A jovenzinha se aprumou.
Falar sobre seu amigo seria uma boa maneira de diminuir a agonia.
Começou a explicar:
'Há muito, muito tempo... todo dia um sabiá pousa no fio desse poste,
aqui em frente à minha janela...
Converso sempre com ele...
Tenho muito medo das coisas, sabe, senhor?...
Então conto meus desejos e peço para ele levá-los para o céu...
Assim, conquisto o que quero...
O passarinho leva meus sonhos e traz de volta realizações...
Acontece que hoje ele não veio...'.

Outro longo suspiro.
'Se ele não voltar, nunca mais vou conseguir realizar meus sonhos...'

Comovido, o atencioso senhor voltou a falar:
'Os desejos precisam de asas... É verdade... Sim, os sonhos precisam de asas...
Mas quem disse que tais asas estão nos passarinhos?...
A asa que faz tuas vontades voarem não está nas aves...
Não está no sabiá que achas não ter vindo hoje...'.

Wal ajeitou-se ainda mais. Perguntou, curiosa:
'Não? Como assim? E está onde? Conte-me! Por favor!'.

A resposta foi surpreendente:
'Estas asas, minha cara... estão na tua alma...'.


Wal respirou fundo. Uma enorme alegria a dominou.
Sentiu-se leve.
Tão leve que percebeu que poderia voar para onde quisesse.
Isso mesmo! Podia fazer seus sonhos voarem para qualquer canto.
Agradeceu ao velho homem, mandando-lhe um beijo e entrou.
Fechou a janela.
Precisava por asas em muitos desejos.
E assim Wal se foi.

Ela se foi e não viu que na calçada...
Na calçada, o ancião sorriu, transformou-se num sabiá e partiu rumo às nuvens



Autor: Carlos Correia Santos - poeta, contista e dramaturgo. Autor vencedor do premio Funarte de Dramaturgia, categoria infanto-juvenil em 2003 e 2005. Roteirista selecionado no Edital Curta Criança do Ministério da Cultura.

EI ANDRECILO!



Saiba que ter sua amizade alegre e contagiante é muito legal!
Foi um presente que ganhei no ano de 2007!
Deus abençoe seu carisma e sua vontade de viver.
Não sou metida não viu...sou legal!!

Um grande beijo!

Com carinho


Socorro Carvalho


* Esse na foto é meu coleguinha André,
que trabalha aqui na Gráfica Tiagão...
Ele só tem um defeito não gosta nem um pouco de tirar foto.... kkkk
Não acredita!!! Acesse o orkut dele...
Ah, ele também canta ( músicas) divinamente bem.

SÓ UMA FRASE...


“Quando você ao acordar, abrir a janela,
olhar o céu, e contemplar o brilho do sol,
imagine que o seu dia terá um brilho muito maior do que este,
porque você assim o deseja, assim o quer.
E mesmo que não consiga ver este brilho com os olhos,
o sentirá refletido em você na sua alma,
pois ele nada mais é que a sua felicidade,
ou sua vontade de lutar, para encontrá-la."


Autoria Desconhecida

O AMOR QUE NÃO QUERES


Um amor de carícias letais.
Um distante
florescer de doçuras na tua primavera!

Não é certo.
Nem isto que minhas mãos te dizem,
nem sequer minha boca te dirá o que deseja.

Singelo.
Claro.
Doce como uma maravilha
imprevista minha alma te dera o seu amor,
nos diremos essas palavras tão simples
que todos nós sabemos e ninguém ensinou.


Nada de fita.
Tua alma me vai dar algo igual
a um bom trago de vinho,
a banda de pão bom.


Um amor, mas sem dores,
um amor sem abismos
e sem romanticismo banal.


(Pablo Neruda - tradução: Thiago de Mello - do livro: Cadernos de Temucos).
Antonio Carlos obrigada pelo poema!

Postagens em destaque

POEMA CABOCLO

Meu amor... Tem cor de alvorecer. Carícia de brisa das manhãs. Cor de pôr do sol. Aroma de cupuaçu... Sabor do bombom de muruc...