quarta-feira, dezembro 15, 2010

AMOR TRAVESSO

Em seu corpo
Passeio livre e suave...
Entre toques e carícias beijo sua boca
Adormeço minha ânsia em seu desespero.
Em seu abraço, aqueço-me
No calor da loucura...
Huumm! Que fissura!
Nesse querer sem medidas
Quero seu corpo inteiro
Na troca desse amor sacana.
Poder dedilhar seu corpo
Embarcar e viajar
Em todas as formas de desejos
Escondidos dentro de você.
Na fonte proibida
Quero beber malícia...
Matar minha sede
Com a seiva bruta que vem de você.
Seiva tenra que brota do “ falo” (quente)
Faz-se alimento, suprimento para sobreviver...
Seiva que irriga, dá sabor
Molha, enche, transborda,
Faz-se bebida preferida
Ingerida no êxtase...
Delícia ardente.
Saciando-me de prazer.
Gozo ímpar
Amor travesso que junta eu e você.


Socorro Carvalho

2 comentários:

  1. Socorrinha, to seguindo o seu blog... Bj... Rômulo d'Castro

    ResponderExcluir
  2. Essa é a Help!!! Com seus poemas inebriantes e que nos faz embriagar de sentimentos bons e duradouros. Ufaa! srsrs
    Beijokas, querida!

    ResponderExcluir

Agradeço sua visita, com breve retorno!! Seu comentário vem somar mais versos em minhas inspirações... grande abraço. Se quiser pode escrever diretamente para o meu email: socorrosantarem@gmail.com

Postagens em destaque

DANIELLE LIMA!! PARA VOCÊ, UMA CARTA DO MEU CORAÇÃO... FELIZ ANIVERSÁRIO!!!

Querida filha, Danielle Katrine Hoje, pensei em te fazer um poema!! Rimar versos para te falar do meu amor... Mas como poetizar,...