A MINHA MENSAGEM DE FIM DE ANO

Último dia do ano. Momento em que festejamos, brindamos, fazemos promessas para o novo ano que vai chegar. Entramos no clima do Rèveillon, essa expressão francesa que nos acompanha por séculos.

Nessa data encaminhamos aos amigos, ou não, palavras de esperança, mensagens, orações, enfim, nossa alma está agradecida por estarmos vivos por mais um ano, e desejamos que o Ano Novo seja ainda melhor.

Quero fazer o mesmo às pessoas que fazem parte de minha lista de e-mails ou dos sites de relacionamento, com as quais sempre reparto meus momentos de alegria e de tristeza. São colegas de profissão, parentes, amigos ou conhecidos, que de alguma forma ou de outra convivem ou conviveram comigo em algum momento. Alguns nem conheço pessoalmente, mas por algum motivo estão na minha lista.

A minha mensagem será em foram do que sei fazer melhor: poesia. Mas antes, um pequeno texto que busquei na internet explicando o que é o rèveillon e a etimologia da palavra:


O Ano-Novo ou Réveillon é um evento que acontece quando uma cultura celebra o fim de um ano e o começo do próximo. Todas as culturas que têm calendários anuais celebram o "Ano-Novo". A celebração do evento é também chamada réveillon, termo oriundo do verbo francês rèveiller, que em português significa “despertar” ou “acordar, deixar de dormir”, com origem no termo em Latim VELARE, “fazer vigília”, que por sua vez deriva de VIGILARE, “velar, cuidar, não dormir”...


A comemoração ocidental tem origem num decreto do governador romano Júlio César, que fixou o 1 de janeiro como o Dia do Ano-Novo em 46 a.C. Os romanos dedicavam esse dia a Jano (foto), o deus dos portões. O mês de Janeiro, deriva do nome de Jano, que tinha duas faces - uma voltada para frente e a outra para trás.


Agora sim, minha homenagem a todos os colegas de e-mail ou dos sites de relacionamento:

Réveillon



Ali do outro lado
Existe uma hora
Esperando um novo amanhecer
Há um momento de indecisão
Entre o chorar e o rir
Que decidimos superar...


Ali do outro lado
Existe outro dia
Esperando um novo entardecer
Há uma linha tênue imaginária
Entre o agora e o depois
Que transpomos a festejar...


Ali do outro lado
Existe um ano
Esperando um novo anoitecer
Há um coração tenso e emocionado
Entre o querer e o não querer
Que insistimos despertar...


Ali do outro lado
Existe um espelho
Esperando refletir nosso destino
Há um silêncio retumbante
Entre o ser e o não ser
Que nunca vamos desvendar...



João Georgios Ninos
Analista Judiciário e Jornalista
(Jota Ninos)


Recebi através de email enviado pelo companheiro Jota  Ninos e trouxe para partilhar com você que não recebeu o email!!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Frases picantes que homens gostam de ouvir na hora do sexo

UMA CARTA PARA MEU FILHO AMADO..

ENFIM... MEUS 18 ANOS DE IDADE!!!