quarta-feira, setembro 21, 2011

MAIS UM DIA....



Mais um dia de trabalho termina.  Após   uma série de trabalhos termino meu dia ao som 
 de “Trepidant’s – Remember  Me” e “Stay  With me”
  e sob grandes lembranças de outrora vejo a noite chegar. 


 A saudade  dos velhos amigos.
 Lembranças de  bons momentos que ficaram e permanecerão  para sempre aqui dentro do meu peito, 
 nas boas lembranças.


Assim é a vida. Feita de momentos.

 Hoje  vivo outras emoções, convivo com outras pessoas, outras situações e desafios,  outra amizades e até outros amores... ôpa... outro amor ( que mesmo perto já me é inesquecível).Imagine um dia distante... ufa.. melhor não pensar... ainda. Ou quem sabe muito mais juntos e  recordando de tudo isso.

O tempo passa, pessoas se vão, outras vêm e a vida segue seu trajeto..
Enquanto eu ainda  permaneço aqui aproveitando cada momento que  a existência me proporciona. 


É sempre assim...
Daqui a alguns anos, algum tempo  quem sabe estarei em outro lugar
 a lembrar do hoje, numa saudade sem fim...ou  talvez.

Até amanhã!

 Enquanto isso... meu coração continua aqui pulsando forte e apaixonado.
 E nesse final de tarde ainda mais cheinho de saudade.... saudade e saudade.
 Penso que  são esses momentos mágicos que nos impulsionam a continuar vivos  e escrevendo em cada novo dia a poesia da vida...

Socorro Carvalho

  



A VIDA E A EDUCAÇÃO DETERMINADAS PELA SUBIDA E DESCIDA DAS ÁGUAS DO RIO AMAZONAS


Numa viagem à região da várzea de Santarém (PA), o repórter Cesar Sousa, do projeto Rádio pela Educação, realizou uma série de três reportagens passando por cinco comunidades ribeirinhas. A série aborda um pouco da vida dos ribeirinhos e do dia-a-dia de educadores e educandos que atuam nesta realidade, determinada pela subida e descida das águas do Rio Amazonas. A série foi veiculada na Rádio Emissora de Educação Rural de Santarém*, no programa Para Ouvir e Aprender do Projeto Rádio pela Educação** – uma tecnologia social premiada pela Fundação Banco do Brasil em 2009. A primeira parte da série já está disponível na Web Rádio Água.
*Para saber mais sobre a Rádio Rural de Santarém

**Para saber mais sobre esta tecnologia social, Blog Rádio Pela Educação.


Crédito do texto: Cesar Sousa.

Acesse: Web Rádio Àgua  e ouça a matéria completa. 

SANTARÉM SEDIA 7ª CONFERÊNCIA MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE

Kleiany  Tavares e Andrei Corrêa - Integrantes do Núcleo de Leitores do Rádio pela Educação   no estúdio da Rádio Rural nas gravações do Para Ouvir e Aprender.

 O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (COMDCA) realiza nos dias 22, 23 e 24 de setembro de 2011 a 7ª CONFERÊNCIA MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE, com objetivo de mobilizar todo o sistema de garantia de direitos.


A proposta deste ano é chamar a população para um debate sobre a implementação e monitoramento da Política Nacional e o Plano Decenal dos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes.
A abertura da conferência será realizada no dia 22 de setembro, às 19 horas, na Casa de Cultura de Santarém.


Nos dias 23 e 24 de setembro o evento será realizado no Colégio Dom Amando, com palestras debatendo os cinco eixos temáticos nacionais, que são: promoção dos direitos de crianças e adolescentes, proteção e defesa dos direitos; protagonismo e participação de crianças e adolescentes; controle social da efetivação dos direitos; gestão da política nacional dos direitos humanos de crianças e adolescentes.


COMDCA: O conselho é formado por instituições governamentais e não-governamentais que respondem pelas políticas voltadas as crianças e adolescentes do município. Nas suas atribuições está à responsabilidade de garantir pareceres sobre projetos sociais e coordenar as ações dos conselhos tutelares no país.

 Fonte: Semed 
Genildo Jr - Comissão de Divulgação



RETRATOS DE UM PARÁ GRANDE



Não sei porque insisto em te querer, se é pelos outros que eu sei quem você é.” Esse trecho da música Deslizes do cantor cearense Raimundo Fagner, na minha opinião, é a que melhor retrata o posicionamento da grande maioria daqueles que são contrários a criação dos novos Estados (Carajás, Tapajós e Novo Pará).
A triste realidade do PARÁ GRANDE está ai para que todos vejam, e me desculpem os amigos contrários as emancipações, mais “contra fatos não existem argumentos” e os fatos estão ai demonstrados através de imagens incontestáveis.


Infelizmente o que tenho percebido neste debate é que a maior parte dos contra, são contra pelo simples fatos de terem que ter uma opinião sobre o assunto, e opinam sem nenhum conhecimento de causa. Poderia eu agora, a exemplo de outras vezes manifestar por dezenas de linhas minha indignação e revolta diante destas fotos e dos fatos. Mas não o farei.


 Irei apenas pedir para os contrários as emancipações que ao encostarem suas cabeças em seus confortáveis travesseiros, ponham suas mãos na consciência, façam uma análise reflexiva destas imagens e deixem que sua inteligência e bom senso prevaleça diante da arrogância e mesquinhez de alguns manipuladores da boa fé, para que no dia 11 de dezembro cada um de vocês possam dar o direito a liberdade para um tão sofrido povo, exercendo assim não apenas o direito ao voto, mais também um ato de cidadania demonstrando respeito e amor ao próximo.


PENSE NISSO!


Fabiano Botelho

Postagens em destaque

Maria Maria

Maria, Da lua Herdastes brilho e serenidade. Do sol Juntastes calor e esperança. Doce Maria! De encanto, de amor. Suave como a b...