terça-feira, abril 03, 2012

AS MURALHAS


Veja bem você,
O vento que soprou deixou no ar teu perfume pra sempre,
E cada dia que passar eu continuarei aqui…
Olhando para o relógio que bate seu tique- taque lentamente,
Como se eu tivesse todo o tempo do mundo só pra ficar assim,  pensando em você.

Veja bem você,
Mesmo com todas as mudanças que a vida fez,  muitas coisas continuam iguais,
Como tua atitude diante do meu amor…
E eu por mais que tente,  não consigo apagar o gosto do teu beijo,
 E as pedras que vão ficando pelo caminho,  talvez já nunca se encontrem.
Porque assim é a vida

Então, me olhem bem diante do espelho e descubram que só minha imagem mudou,
No peito os sentimentos continuam o mesmo
A cada dia que passa eu me dou conta desse amor imenso desperdiçado  em mim...
E  mesmo com toda a tua ausência  ainda fico assim,
inexplicávelmente imóvel  diante do telefone que nunca toca.

Veja bem você…
Que importância tem só mais uma noite mal dormida?
Minha sensatez me obriga a pensar com lucidez…
E sempre que algo vai ficando mais claro, mais me sinto estúpida por te amar assim…
Completamente imune ao que possa acontecer,
Como uma primavera pintada em preto e branco na tela de um artista triste.
Que não tem fantasia o bastante para imaginar o mundo com o céu estrelado numa noite de verão…
E que vai vendo a vida diante da janela aberta sem se arriscar sair noite a fora,

Então, veja bem você, aí,
Quanto tempo estou aqui parada  diante do espelho?
Pensando em tudo que quis um dia te dizer,  mas as palavras não sairam da garganta.
E a parede que nos separa continua crescendo infinitamente…
 Como um pássaro vou voando, voando até onde minhas forças me levam.
Como se a distância pudesse mundar o que sinto,

Então, você viu?
O vento continua soprando suavemente…
Mas você não consegiu traduzir corretamente meu olhar,
Apesar de tão óbvio você partiu para sempre,
E o frio sombrio dos pensamentos que passam despercebidos
Vão ficando gravados na pele seca…

Você vê?
Estou voando, voando, voando….
Imensamente perdiada de amor.

                                                                                  Rosi
                                                                                  Praga, 07.01.20212


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço sua visita, com breve retorno!! Seu comentário vem somar mais versos em minhas inspirações... grande abraço. Se quiser pode escrever diretamente para o meu email: socorrosantarem@gmail.com

Postagens em destaque

Chuva que rega saudade...

O dia amanheceu chovendo. Passou nublado. A tarde chegou com um tímido  sol .  Ao meu redor,  vejo rastros de saudade a penetrar me...