quarta-feira, agosto 07, 2013

RASCUNHO DE SENTIMENTO...


Na página da minha vida, alguns textos escritos, a lápis,  nas entrelinhas do meu coração. Versos que não rimei.  Refrões que nunca cantei. Enquanto a  ilusão do tempo,  perdido, construiu frases inversas, desconexas. Na lixeira do quarto, papéis amassados já não se contrastam com a razão. No tremular das mãos o lápis sem direção, traça mil riscos na  ambígua  decisão. A quimera inquieta reconta   os momentos e  lembranças, no outrora,  vividos.

De repente, o  amor sincero se amedronta diante da covardia do silêncio, que descompassa  meu coração. Ontem era você aqui cheio de olhares e sorrisos. Hoje tudo é saudade, distância insensata e um inexistente querer bem. Só espera no meu teimoso coração. Na inquietação do meu peito um sentir que não tem jeito, sem  você aqui. Que droga!

A inspiração se ausenta, sua  doce lembrança me atormenta os sentidos, numa completa  agonia de sentimentos... E  tudo vai ficando rascunhado em meu querer, na espera por você. Uno versos, remonto estrofes com versos que já não sei   mais escrever...Na distração, surge o poema, mas tudo está confuso. A inspiração rejeita esse  seu amor por  impulso, que destoa minha inspiração. O que fazer?  Não sei .  Nem sei mais o que dizer a essa minha emoção... Então,  calma  coração!!! Rascunho de sentimento...Um dia não haverá mais essa espera e  nem amor na contra mão...




Socorro Carvalho

4 comentários:

  1. Bom dia!!!
    Que sentimento e esse?
    Mas pense que lhe deu uma historia, um amadurecimento, uma inspiracao em momentos de pura solidao.
    Ah! amor...
    bjs
    Ritinha

    ResponderExcluir
  2. Olá!Boa tarde
    Socorro
    Que lindo esse amor
    ...quase todos carregam algum verso pontiagudo dentro do peito, não dá pra fugir da tal da dor, ela faz parte da vida, e não sofremos mais que os outros ou menos, os problemas podem ser diferentes mas depois a tristeza se torna uma para todos, e eu nunca terei uma resposta clara, nem direi que o tempo cura, pois esse pode curar mas será da forma mais longa e menos eficaz, o jeito de tirar essa inquietação vai vir de dentro de nós, pois cabe a cada um... uma borracha para apagar ou fazer desse rascunho o início de uma nova história com outro final...
    sim...tinha o link de como divulgar na minha postagem, mas eis:
    http://felisjunior.blogspot.com.br/2011/07/divulgacao-de-blogs.html
    Obrigado pelo carinho
    Bela quarta feira
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Olá Socorro linda história que ficou marcada em grandes saudades.

    Gostaria de vê-la em meu quadro de seguidores.
    Eu ficarei por aqui,junto à muitos amigos que vejo.

    bjs
    Carmen Lúcia-mamymilu.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Lindo.Socorro e escreves com o coração!Gostei! beijos,chica

    ResponderExcluir

Agradeço sua visita, com breve retorno!! Seu comentário vem somar mais versos em minhas inspirações... grande abraço. Se quiser pode escrever diretamente para o meu email: socorrosantarem@gmail.com

Postagens em destaque

VERSOS, PARA MEU NETO...

Um dia você chegou... Trouxe consigo o melhor verso. A brisa que acaricia, O vento que embala. Seu sorriso trouxe o alvorecer.   ...