quinta-feira, outubro 10, 2013

ESTRANHEZA DE AMOR...

Cintilado como o raio de sol
Seus  olhos penetraram meu universo.
Com calor aqueceram meus sentimentos,
Acordaram meus desejos.
Era o brilho dos seus olhos iluminando minha paisagem ,
Cenário lindo  do meu olhar.
Era você, anjo e demônio,
No céu e  inferno do meu querer.
Na sensatez,
Você, insanidade
Da minha loucura de amor.
Razão, emoção, coração...
Mistura perfeita da minha inspiração.
A estranheza do seu amor,
É enigma da minha curiosidade.
Na distancia ...
Tudo é saudade  sua.
Inconstante sentimento
Certeza de amor,
Eterno sentimento,
A pulsar nas (in) certezas do  meu coração.
Nessa estranheza de  amor.


Socorro Carvalho

Um comentário:

  1. Um amor a pulsar nessas (in)certezas do coração.
    Muito lindo Socorro.
    bjs
    Carmen Lúcia-mamymilu.blogspot.com

    ResponderExcluir

Agradeço sua visita, com breve retorno!! Seu comentário vem somar mais versos em minhas inspirações... grande abraço. Se quiser pode escrever diretamente para o meu email: socorrosantarem@gmail.com

Postagens em destaque

UM POEMA PARA ÁMON

Há dez meses... Você chegou!!! Trouxe no riso o estro. No calor O mais lindo poema de amor. Tão pequeno, tão meigo. Porém, forte e...