domingo, novembro 03, 2013

VALEU PELA AMIZADE E AUDIÊNCIA SARGENTO KENNEDY!!!

Logo mais às 16h  está marcado para sair o enterro do nosso amigo sargento  Kennedy , que ocorrerá no cemitério de N. Sra. dos Mártires. 


Nessa hora de despedida, e saída do corpo, os amigos de farda da Policia Militar de Santarém   vão realizar uma homenagem ao sargento,  que muito bem soube representar a farda que vestiu e a Instituição que  serviu por 26 anos, sempre zelando pela defesa do bem  em prol da sociedade. Para essa momento de despedida pela morte brusca e violenta do companheiro os militares estão convocando  os colegas e demais amigos do sargento Kennedy para esse momento.



Após as homenagens o corpo sairá em cortejo para o sepultamento. O corpo do sargento  Kennedy está sendo velado, na residência da família,  na Plácido de Castro , próximo a Sede da Associação de Moradores do bairro do Caranazal, às proximidades do Quartel da PM . O policial foi morto ontem, de madrugada, no bairro Alcione Barbalho.


Pelo grande amigo da comunicação e em especial da Rádio Rural de Santarém expresso meus sentimentos de dor e ao mesmo tempo de revolta por tanta maldade e sentimento de violência no coração das pessoas.
 No entanto, apesar de tudo, elevo a Deus minhas orações para que Ele possa consolar a família do Kennedy. Pessoa com o qual sempre tive uma boa relação de amizade pelo carinho e respeito com o qual sempre fui tratada por ele, desde os tempos, em que  ainda trabalhava na Tv Ponta  Negra.


O sargento Kennedy era aquele cara sem noção. Sem noção do grau de amizade que cativava nas pessoas e em função disso se tornou um policial diferenciado, entre nós, que compomos a imprensa santarena. Daleuson Menezes que o diga. Pois era pra ele que Kennedy recomendava que o acordasse na madrugada. O Daleuson começa trabalhar na Rádio Rural desde às 4  horas da madrugada. Em virtude desse horário, Kennedy pedia que ele o acordasse. E o mais legal é que o Daleuson ligava, mesmo, e acordava o danado. Nas raras vezes que esquecia, o kennedy , por ser muito sem noção e sem grau de  maldade,  ligava para reclamar com o "despertador". Reclamar sempre com aquele senso de humor que lhe era peculiar.


Nas jornadas esportivas era raro ter uma que não tivesse um alô para o sargento Knnedy, que por meio de sms  estava sempre enviando mensagem ao Ivaldo e dizendo “ Tô ligado” . Por ser flamenguista de alma, junto do Ivaldo ele se achava.  No Rádio Notícia com Raik Pereira era sempre a mesma coisa, o mesmo carinho e audiência. Enfim, em quase toda a programação da emissora tinha um alô para o sargento que era um de nossos grandes ouvintes, literalmente.


 Nos lugares onde o encontrava podia estar  longe ou perto ele sempre arranjava um jeito de me cumprimentar . Longe me cumprimentava com continência e de perto sempre com um sorriso e uma beliscada no braço, enquanto com ele brincava, zoando o cabelo dele que era liso e espetado, e eu o denominava de cacheado.


Após esse fato triste que vitimou nosso amigo, muitas pessoas ainda questionam onde  ele estava e com  quem estava. Isso agora é o que menos importa. O importante é lembrar quem foi o Kennedy enquanto autoridade, pessoa humana, pai e até marido. Nos últimos tempos tinha separado da esposa, mas isso não apaga os longos e preciosos anos que junto dela viveu em companhia  da família que formaram. E se a separação foi inevitável. Quem somos nós para julgá-lo? Uma coisa não podemos esquecer que da traição nem Jesus Cristo o Filho de Deus conseguiu se livrar, foi traído e morto. Imagina Kennedy que era só um homem comum cheio de pecados como qualquer um e uma de nós.


Eu, de forma particular, lamento muito a perda brusca desse cidadão e amigos de todos, de todos do bem. Já para aqueles que militam no mal, para esses ele era um empecilho e uma pedra no sapato e para essa turma, o sargento não vai fazer falta. Já para nós que  tivemos o privilégio de conhecermos o Kennedy, com certeza ele  está deixando  uma lacuna em nossos corações e em nossa audiência. Só resta agradecer a Deus pelas boas ações do Kennedy aqui na terra. E que lá no céu ele possa descansar junto de Deus. De acordo com informações que ouvi, do emocionado depoimento do colega Domingos Campos pela 94 FM, nesta manhã. O sargento estava aguardando ser promovido dentro do Batalhão, mas não ocorreu. Pois um anjo do mal ceifou com violência os  sonhos do policial.

Enfim, descanse em paz  sargento Kennedy com seus cabelos “ cacheados”.

Valeu cara!!


Um abraço grande da Socorro Carvalho e da turma da Rádio Rural

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço sua visita, com breve retorno!! Seu comentário vem somar mais versos em minhas inspirações... grande abraço. Se quiser pode escrever diretamente para o meu email: socorrosantarem@gmail.com

Postagens em destaque

POEMA CABOCLO

Meu amor... Tem cor de alvorecer. Carícia de brisa das manhãs. Cor de pôr do sol. Aroma de cupuaçu... Sabor do bombom de muruc...