domingo, julho 07, 2013

POR DEBAIXO DO MEU SORRISO...


Sob meu sorriso escondo ruídos tristes,
Que mascaro  com a alegria...
Amo o silêncio das minhas dúvidas.
Contraste de minhas certezas.
Os ruídos da ignorância me confundem os ouvidos.
Tapo-os, tento fugir.
Não posso mais...
Preciso permanecer aqui.
Em cada palavra um não crer.
Atônita e quase perdida,   nem sei mais o que dizer.
Tenho sofrido.
Esse pensar demais, esse sentir demais.
Atrapalha meu  bom senso e a sensatez verdadeira do agir.
Culpo-me, pelo que jamais deveria.
E nessa luta constante...
Sinto-me inertizar em cada instante.
Será esse o preço do "progresso"?
Indagações incertas me confundem as certezas.
E no espelho já vejo meu rosto cansado, meu sorriso triste...
E de repente,  sinto uma força estranha saindo de mim.
O corpo sinaliza e traz o cansaço numa confusão de sensações.
E apesar de tudo isso...
Preciso seguir, dar rumo ao meu viver.
Falei quando deveria, calei quando foi necessário.
Não posso me condenar.
Porém, é difícil conviver com essa insanidade nua e crua,
E esse  cinismo desmedido.
Preciso me libertar dessa culpa inexistente.
Meus olhos estão cansados.
Meu rosto está pálido e quase irreconhecível...
O sorriso  apenas esconde um forte cansaço em meu rosto
E em meu corpo quase desfalecido.
Deus me conduza, me proteja e me dê saúde e forças.
E que eu tenha coragem suficiente para apesar de tudo...
Encarar, vencer as lutas e desafios impostos pela vida.
Afinal de contas
Creio que sempre após cada noite escura
Tem sempre um novo dia com um sol radiante...
Sob o meu sorriso
Guardo minhas lutas e certezas.
Enfim,
Amanhã será um novo dia.


Socorro Carvalho


SAUDADES DE VOCÊ...

O  verso de outrora,
Hoje faz parte da poética esquecida.
A distância , o silêncio,
Estampam-se como miragem de sua imagem, dentro do coração.
O olhar perdido é procura sem fim.
A paisagem sem vida, já não tem mais o brilho do seu olhar.
O universo nublado procura os raios do seu sorriso,  que se perderam no tempo.
As horas passam, enquanto o coração triste palpita a sua procura.
O corpo carente grita na ausência da ousadia de suas mãos .
O verso está triste, perdido em meio a solidão dos seus beijos.
Camões sussurra que: “ o amor é fogo que arde sem se ver”.
Enquanto cá no peito uma chama arde e não se apaga.
Na sua  ausência fica triste a inspiração.
O timbre da sua voz era  sinfonia no ar.
Porém, a orquestra está calada, nesse vazio infindo.
As cifras da canção  perderam a harmonia e a música perdeu o tom, o som, o ritmo.
Enquanto no peito,  uma inquietação se apodera  do silêncio.
Deixando-me uma sonora solidão no olhar.
Ah, coração teimoso!
Tenta se acalmar...
Aquieta essa tempestade.
Agasalha essa ansiedade, que  tanto teima em morar cá dentro do peito...
Esse sentir assim , sei lá,  não sei o quê...
Que aflige e maltrata  essa  razão.
Enche de emoção cada pensamento insano
Contido nessa vontade louca de ver você...
Um sentir que vem mansinho,
Aloja-se no meu "vagabundo" coração ...
Amor na contra mão...
Pecado.
 Ilusão.
Contrição?
Não.
 Inspiração...
Saudades de você.


Socorro Carvalho

PE. AURICÉLIO PAULINO - NOVO DIRETOR DA RÁDIO RURAL

Pe. Auricèlio Paulino

Na Missa em Ação de Graças pelos 49 anos da Rádio Rural de Santarém , realizada na sexta feira (05), Pe. Edilberto Sena  fez o anuncio de sua saída da Direção da emissora.  

Ainda na Missa, o Bispo de Santarém  Dom Flávio Giovenale anunciou o nome do novo diretor que ocupará o cargo de  Diretor da Rádio.

O novo diretor escolhido e que deverá assumir, em breve, o cargo  é Pe. Auricélio Paulino, atualmente desenvolvendo os serviços pastorais, na Paróquia de Santo Antonio,  em Belterra.

Após fazer o comunicado,  Dom Flávio agradeceu o trabalho de pe. Edilberto e também pediu a todos os funcionários da emissora que  continuem seus trabalhos e  ajudem ao novo diretor na condução dos trabalhos a frente do veiculo de comunicação. 

O momento do comunicado de Pe. Edil foi marcado por emoção. De repente,   percebemos  o quanto nos apegamos as pessoas e na expressão de cada  funcionário um resquício de saudade.
No entanto, entende-se que a vida é assim mesmo repleta de mudanças e todos nós precisamos estar preparados para quando elas venham ocorrer.

Ao Pe. Auricélio Paulino votos de sucesso e perseverança para encarar esse novo desafio. E que Deus abençoe  tanto os novos caminhos  de Pe. Edil quanto  a nova jornada de Pe. Auricèlio. 

Socorro Carvalho



Postagens em destaque

DANIELLE LIMA!! PARA VOCÊ, UMA CARTA DO MEU CORAÇÃO... FELIZ ANIVERSÁRIO!!!

Querida filha, Danielle Katrine Hoje, pensei em te fazer um poema!! Rimar versos para te falar do meu amor... Mas como poetizar,...