SAUDADES DE VOCÊ...

O  verso de outrora,
Hoje faz parte da poética esquecida.
A distância , o silêncio,
Estampam-se como miragem de sua imagem, dentro do coração.
O olhar perdido é procura sem fim.
A paisagem sem vida, já não tem mais o brilho do seu olhar.
O universo nublado procura os raios do seu sorriso,  que se perderam no tempo.
As horas passam, enquanto o coração triste palpita a sua procura.
O corpo carente grita na ausência da ousadia de suas mãos .
O verso está triste, perdido em meio a solidão dos seus beijos.
Camões sussurra que: “ o amor é fogo que arde sem se ver”.
Enquanto cá no peito uma chama arde e não se apaga.
Na sua  ausência fica triste a inspiração.
O timbre da sua voz era  sinfonia no ar.
Porém, a orquestra está calada, nesse vazio infindo.
As cifras da canção  perderam a harmonia e a música perdeu o tom, o som, o ritmo.
Enquanto no peito,  uma inquietação se apodera  do silêncio.
Deixando-me uma sonora solidão no olhar.
Ah, coração teimoso!
Tenta se acalmar...
Aquieta essa tempestade.
Agasalha essa ansiedade, que  tanto teima em morar cá dentro do peito...
Esse sentir assim , sei lá,  não sei o quê...
Que aflige e maltrata  essa  razão.
Enche de emoção cada pensamento insano
Contido nessa vontade louca de ver você...
Um sentir que vem mansinho,
Aloja-se no meu "vagabundo" coração ...
Amor na contra mão...
Pecado.
 Ilusão.
Contrição?
Não.
 Inspiração...
Saudades de você.


Socorro Carvalho

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Frases picantes que homens gostam de ouvir na hora do sexo

UMA CARTA PARA MEU FILHO AMADO..

ENFIM... MEUS 18 ANOS DE IDADE!!!