NOSSO LOUCO DESEJO ...

Minhas mãos desceram salientes
Sobre sua pele úmida...
No aflorar do desejo
O ímpeto do querer indefinível.
Lábios entreabertos nos sussurros quase suprimidos
Calando o grito do amor exibido, louco, bandido.
Sua pele na minha, minha pele na sua.
Nossos  corpos encaixados, debruçados.
Aportados no  “ parapeito” do prazer.
Éramos  nós e o “pecado”.
Em bocas sedentas e vorazes carícias...
Sua língua, minha língua, nossas línguas.
Num lamber constante e exótico de sabores.
O deguste do verso se satisfaz
Na rima do mais louco êxtase...
E nossos corpos satisfeitos
Repousaram  contentes  no clímax da paixão.
No leito do nosso louco desejo.


Socorro Carvalho



Comentários

  1. Ilda Araujo11:54 PM

    Lindo Socorro Carvalho...
    Sua fã. Numero 1 aqui.. Eu
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Anônimo7:22 AM

    Eita poema arretado e gostoso!!! srsrsr
    Um abraço, Help!
    Rô Almada

    ResponderExcluir
  3. mirika2:39 AM

    Nossssaaa demais.....bjs

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Agradeço sua visita, com breve retorno!! Seu comentário vem somar mais versos em minhas inspirações... grande abraço. Se quiser pode escrever diretamente para o meu email: socorrosantarem@gmail.com

Postagens mais visitadas deste blog

Frases picantes que homens gostam de ouvir na hora do sexo

UMA CARTA PARA MEU FILHO AMADO..

ENFIM... MEUS 18 ANOS DE IDADE!!!