quarta-feira, julho 20, 2011

RNA RECEBE PRÊMIO MICROFONE DE PRATA


A premiação vai acontecer hoje à noite durante o 7º Mutirão de Comunicação, no Rio de Janeiro, que acontece no Ginásio da PUC/Rio de Janeiro. A premiação reconhece o mérito dos profissionais e meios de comunicação social que contemplam em suas produções os valores humanos, cristãos e éticos, bem como a linguagem artística e técnica.

A classificação dos trabalhos contemplados por áreas irão receber a premiação assim distribuída:  Cinema – Prêmio Margarida de Prata; Rádio – Prêmio Microfone de Prata; Impresso – Prêmio Dom Helder Câmara de Imprensa; e Televisão – Prêmio Clara de Assis já foram escolhidos pela comissão julgadora.

Na área de rádio, Microfone de Prata na Categoria Entretenimento, o vencedor foi o programa Caminhos da Amazônia, da Rede de Notícias da Amazônia – RNA apresentado por Joelma Viana e Anderleia Oliveira, na Rádio Rural de Santarém, no Pará.

Para Joelma Viana a gestora da RNA  prêmio serve como reconhecimento pelo trabalho realizado e incentivo para cada vez mais a produção do programa seja aprimorada.


O Prêmio Microfone de Prata foi criado em 1989 pela UNDA Brasil, atual Signis Brasil, com o apoio da CNBB. Os demais contemplados de 2011 nesta categoria são:

Categoria Religioso: Programa A Caminho do Reino, da Rádio 9 de julho da Arquidiocese de São Paulo (SP).

Categoria Jornalismo: Programa Jornal da Manhã, da Rádio Educadora AM de Coronel Fabriciano (Minas Gerais)

A gestora da Rede de Notícias da Amazônia, Joelma Viana, vai participar da solenidade de entrega da premiação representando a Rádio Rural de Santarém.

A cerimônia contará com a presença do Padre Fábio de Melo.

  Socorro Carvalho
Participação  do Jornal da Manhã do dia 20 de julho de 2011

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço sua visita, com breve retorno!! Seu comentário vem somar mais versos em minhas inspirações... grande abraço. Se quiser pode escrever diretamente para o meu email: socorrosantarem@gmail.com

Postagens em destaque

Chuva que rega saudade...

O dia amanheceu chovendo. Passou nublado. A tarde chegou com um tímido  sol .  Ao meu redor,  vejo rastros de saudade a penetrar me...