segunda-feira, fevereiro 13, 2012

DESEJO


No teu corpo
Encontro a fórmula do desejo...
A imagem do teu falo,
Fala-me  de excitação.
Desnuda  teus libidinosos segredos.
Aglomera meus poros,
Saem de mim
Sôfregos gemidos.
Escondidos, 
Guardados, retidos...
No silêncio absurdo da realidade,
Que cala, oprime
Os meus e os teus sentidos.
O retrato do teu falo
Fala-me de saudade, saudade...
Na loucura dos gestos
Traduz-se o delírio.
Madrugada esquecida...
Abandonado  nas asas do desejo
Pecado?
Não.
Apenas a  força escondida...
Do teu desejo sacana de me possuir.
Teu  falo que fala...
Grita por mim.

Socorro Carvalho



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço sua visita, com breve retorno!! Seu comentário vem somar mais versos em minhas inspirações... grande abraço. Se quiser pode escrever diretamente para o meu email: socorrosantarem@gmail.com

Postagens em destaque

Chuva que rega saudade...

O dia amanheceu chovendo. Passou nublado. A tarde chegou com um tímido  sol .  Ao meu redor,  vejo rastros de saudade a penetrar me...