domingo, fevereiro 17, 2013

UM BEIJO MEU



Os dias nunca são iguais
Quando a inocência se desfaz
Por não ter mais no que acreditar
Se todo amor não foi capaz

Se alguém que você tanto quis
Já fez a mala, adeus, até nunca mais
Guarda um beijo meu
O que for teu ninguém vai nunca mais tirar
Quem sabe um dia, tudo vai voltar
Mas agora é melhor deixar
Todas as tardes trazem dor
E quando o sol já vai se pôr
Resta o deserto da noite pra atravessar
Reza por flores, por postais
Reza por rezar, nada mais

Varrendo os problemas, se vestindo pra jantar
Guarda um beijo meu
O que for teu ninguém vai nunca mais tirar
Quem sabe um dia, tudo vai voltar
Mas agora é melhor deixar


Zizzi Possi
Autor: Herbert Vianna

Linda música.... pra você. 

Você que,  de repente pode, estar ai louco de saudade do seu amor de verdade...( uma recaída quem sabe) o silêncio , muitas vezes não traduz nada. Então, cara vai  lá , não custa nada tentar, se quebrar a cara de novo. Foda-se sozinho. Mas pelo menos tentou.

Só não tente mais buscar doçura  em outro olhar se o que procuras só consegues  encontrar lá...naquele olhar.( amargo)

       " O que for teu ninguém vai nunca mais tirar"...  Fica a dica!!
Deixa eu ir que tenho muito a  fazer... ainda.                   



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço sua visita, com breve retorno!! Seu comentário vem somar mais versos em minhas inspirações... grande abraço. Se quiser pode escrever diretamente para o meu email: socorrosantarem@gmail.com

Postagens em destaque

Chuva que rega saudade...

O dia amanheceu chovendo. Passou nublado. A tarde chegou com um tímido  sol .  Ao meu redor,  vejo rastros de saudade a penetrar me...