quinta-feira, dezembro 03, 2015

A ESSÊNCIA DO AMOR ESTÁ NA SIMPLICIDADE DOS DETALHES


O amor é um dos  sentimentos mais nobres e  que  está contido nos detalhes. Por exemplo, na calma sentida com a presença, mesmo que ele(a) não diga nada, só de estar ali basta para aconchegar o amor. 


Muitas vezes o amor se faz presente em cada espaço ao redor,  que traz uma presença mesmo ausente. Em outros casos o amor está no cheiro, na carícia, no calor, mas em outros, está no imaterial. Na conivência de segredos ou mesmo dentro de um silencio que suprime doces palavras.


O amor pode ser quieto, manso e ao mesmo tempo expressar  uma explosão de  mil outros sentimentos. Pois quando é de verdade,  ele se mantém na distancia, na lembrança, na esperança de um novo reencontro.


O amor não precisa gritar para convencer. Ele se agasalha e é ouvido nos sussurros conduzindo a uma paz de igualdade e entrega, sem equívocos ou desconfianças, por se fazer presente em cada canto, lugar, alma e coração.


Pode se dizer, ainda, que o o amor está no ato da intuição  que fala pela sintonia de olhares, sorrisos  e que tem a capacidade de adivinhar até o mais íntimo pensamento um do outro. A simultaneidade de quereres, dizeres é como se fosse uma orquestra afinada a tocar a mais clássica e bela canção.


O amor está no ar, na falta da presença, na ânsia da saudade que aspira ver aquele sorriso largado, aquela voz de timbre apurado,  mas que é  gostosa feito música ritmada de paixão.


O amor está no pulsar acelerado ao abrir o mensseger, nesse tempo contemporâneo, e ver o balão com  mensagem falando de uma louca saudade. Simples assim, o amor nos surpreende em cada momento na simplicidade de  seu existir...


O amor é perspectiva de encontro, vontade do beijo bom, desejo do abraço forte  e apertado. Ou mesmo, pode ser aquele abraço rodado que de tão bom tira do chão. O amor é chama,  verso que clama ou simplesmente é um lindo  poetar num fim de noite a versar a candura boa daquele olhar distante a atormentar uma saudade que insiste em ficar...


O amor pode ser cada detalhe guardado, cada riso de nada, em cada pensamento que traz a presença, mesmo na  infinda distância. O amor é um conjunto de detalhes que, pela simples existência,  se tornou inesquecíveis um  ao outro.  Assim imagino ser a essencia  do amor, simples e mágica.


Socorro  Carvalho

2 comentários:

  1. O amor é cheio de detalhes não é mesmo Socorro Carvalho... lindo

    ResponderExcluir
  2. Mirika9:59 PM

    Simples assim...como sempre arrasou e eu amei, bjão

    ResponderExcluir

Agradeço sua visita, com breve retorno!! Seu comentário vem somar mais versos em minhas inspirações... grande abraço. Se quiser pode escrever diretamente para o meu email: socorrosantarem@gmail.com

Postagens em destaque

DANIELLE LIMA!! PARA VOCÊ, UMA CARTA DO MEU CORAÇÃO... FELIZ ANIVERSÁRIO!!!

Querida filha, Danielle Katrine Hoje, pensei em te fazer um poema!! Rimar versos para te falar do meu amor... Mas como poetizar,...