terça-feira, dezembro 01, 2015

JANELA SOBRE UMA MULHER...

“Essa mulher é uma casa secreta.
Em seus cantos, guarda vozes e esconde fantasmas.
Nas noites de inverno, jorra fumaça.
Quem entra nela, dizem, não sai nunca mais. 
Eu atravesso o fosso profundo que a rodeia. 
Nessa casa serei habitado.
Nela me espera o vinho que me beberá. 
Muito suavemente bato na porta, e espero.” 

Eduardo Galeano

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço sua visita, com breve retorno!! Seu comentário vem somar mais versos em minhas inspirações... grande abraço. Se quiser pode escrever diretamente para o meu email: socorrosantarem@gmail.com

Postagens em destaque

AH, ESSE AMOR!! AH, ESSE APEGO...

Ela tinha nos olhos um vislumbrar de esperança e no coração sentimentos inesquecíveis. Nas horas tristes escrevia novos versos. Li...